Gota – O que é, causas, sintomas e tratamentos

  • atualizado: 
doença da gota

Existem doenças que são conhecidas há séculos, mas ainda hoje causam muito sofrimento para quem as possui. É o caso da Gota. A enfermidade, que já foi chamada de doença dos reis, em decorrência dos nobres desenvolveram-na com mais facilidade, é uma inflamação que causa muita dor. No entanto, embora não tenha cura, ela tem tratamento, e demanda uma mudança considerável de hábitos, principalmente na alimentação.

Saiba abaixo tudo sobre a gota: como tratar, quais os sintomas, causas e remédios caseiros que podem ajudar.

1. O que é a doenca da gota

A gota é uma inflamação que acomete as articulações e provoca intensa dor. Ela é causada por problemas metabólicos envolvendo o ácido úrico: seja por excesso de produção da substância ou por dificuldades de eliminação através da urina.

O desequilíbrio no ácido úrico faz com que ele se cristalize no organismo, provocando a formação de cristais, que ficam depositados pelo corpo, principalmente nas extremidades.

Uma parcela considerável dos casos envolve uma inflamação intensa no dedão do pé. Geralmente homens são mais afetados do que mulheres. A dor da gota tende a piorar a noite e afeta, principalmente, as extremidades.

Em cerca de 20% dos casos, a pessoa com gota vai desenvolver cálculos renais.

2. O que provoca a gota?

A gota tem um componente genético importante e também uma relação com sobrepeso, excessivo consumo de carne e álcool.

Alguns medicamentos e doenças podem desencadear a gota secundária, como anemia falciforme, leucemia, obesidade, hipertensão arterial e psoríase, e uso de diuréticos, aspirinas, entre outros.

3. Como é a dor da gota?

O principal sintoma da gota é uma dor intensa nas articulações, com presença de inchaço e vermelhidão.

Também podem aparecer caroços brancos no local, febre e taquicardia.

A dor pode durar de 4 dias a 2 semanas, e some espontaneamente. Porém, as crises tendem a repetir-se no decorrer do tempo.

Casos mais avançados podem ocasionar deformidade articular e até mesmo restrição de movimentos.

4. Tratamentos - Qual remédio é bom para gota?

A gota não tem cura, mas com o tratamento adequado é possível ter qualidade de vida e controlar as crises.

A primeira medida, caso a pessoa desconfie, é procurar um médico. O profissional vai avaliar os níveis de ácido úrico no sangue e urina e estudar a história clínica do paciente. Posteriormente, pode receitar medicamentos anti-inflamatórios e corticoides.

Somente um médico pode prescrever remédios para gota.

É necessário também fazer um controle do ácido úrico para evitar novas crises e mudar hábitos, adotando uma alimentação mais saudável, emagrecendo, bebendo bastante líquido e evitando bebidas alcoólicas.

5. O que fazer para aliviar a dor

Uma das recomendações, durante os episódios de dor, é ficar em repouso, pois o ácido lático produzido pelo movimento tende a piorar o quadro doloroso.

Uma compressa de gelo no local pode ajudar a diminuir a dor.

Beber bastante água e prestar atenção nos alimentos que consome é outra medida importante.

Além disso, é essencial procurar ajuda médica para o correto tratamento medicamentoso e orientação.

6. Quais alimentos provocam a gota?

A alimentação tem um papel essencial no controle da gota. Por isso, saiba abaixo o que evitar e o que consumir para auxiliar no tratamento da doença:

  • Tome bastante água, cerca de 2 a 3 litros. A água ajuda na produção da urina e eliminação do ácido úrico
  • Evitar carne vermelha, pois são ricos em purina, uma substância que, quando está em excesso no sangue, podem agravar os quadros de dor articulares
  • Evitar frutos do mar
  • Aumentar a ingestão de frutas, verduras e legumes, principalmente agrião, abóbora, cebola, pepino salsinha, maçã, maracujá, morango, leite e derivados, que ajudam na eliminação de ácido úrico em excesso no sangue
  • Sementes de linhaça e sementes de chia são anti-inflamatórios naturais e podem ajudar na diminuição da dor
  • Evitar consumir alimentos industrializados ricos em frutose, refrigerantes e bebidas açucaradas
  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas.

7. Remédios naturais

Existem alguns remédios caseiros, que podem ajudar no controle da gota. No entanto, vale lembrar, são medidas complementares, que não devem substituir ajuda médica especializada.

Conheça algumas:

  • Compressa com gelo – Compressas frias podem ajudar, pois o gelo provoca constrição nos vasos, reduzindo a inflamação
  • Repouso – O repouso é essencial, pois em movimento há maior produção de ácido lático, o que agrava a dor
  • Chá de cavalinha - A cavalinha é um anti-inflamatório natural e possui propriedades antiartríticas, além de fortalecer as articulações. Para fazer o chá de cavalinha separe duas colheres de chá de cavalinha seca e faça uma infusão com 1 xícara de água fervente. Deixe repousar por 10 minutos, coe e beba.
  • Tome sucos naturais – Consuma sucos, como o de laranja com aipo, que tem função diurética, ou cereja com maracujá, que tem propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, ou suco de pepino e melancia. O pepino é mineralizante e alcalinizante e a cenoura ajuda na diminuição das dores e inflamações.
  • Cuide do peso – O sobrepeso tem relação com a doença e pode piorar o quadro. Por isso pratique atividades físicas e consuma alimentos saudáveis para manter o peso ideal.

Talvez te interesse ler também:

MINERALIZE-SE → A IMPORTÂNCIA DO ENXOFRE NA BELEZA E NA SAÚDE

POR QUE O CORPO DÓI? CAUSAS EMOCIONAIS E OUTRAS CAUSAS

PESQUISADORES ASSOCIAM DEPRESSÃO À INFLAMAÇÃO DO CORPO

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!