França contra o tabagismo: maço de cigarro a 10 euros!

França contra o tabagismo: maço de cigarro a 10 euros!

Certamente, um brasileiro tabagista que já tenha viajado para a Europa deve ter se assustado ao comprar um maço de cigarro. Além, claro, de ter de pagar em euro, o preço do cigarro é bem mais elevado lá do que aqui no Brasil.

A França é um dos países onde o maço de cigarro é mais caro na Europa. E a tendência é que os preços se mantenham elevados como estratégia antitabagista, pois, a partir deste mês, entrou em vigorar uma nova taxa que passou a incidir sobre os maços de cigarro, fazendo-os custar 10 euros.

As vendas de cigarro já vêm diminuindo na França desde 2018.  Isso porque, em 2017, o governo francês já havia aumentado o preço do maço de cigarro com o intuito de incentivar a queda dos índices de tabagismo, que ainda são altos na França se comparados com os do Brasil. No país europeu, a indústria do tabaco fixa os preços dos seus produtos, mas o Estado pode intervir na variação das taxas, que representam mais de 80% do preço final.

No último ano, as vendas de tabaco na França diminuíram 7,2% e a taxa de fumantes segue caindo anualmente, informa a agência FranceInfo. Sobretudo os jovens têm fumado menos, bem como as pessoas financeiramente desfavorecidas. Tanto a elevação do preço do cigarro quanto o serviço gratuito de tratamento para quem deseja parar de fumar têm sido os responsáveis pela queda do número de fumantes na França.

O tabaco mata 75 mil franceses anualmente. Logo, qualquer iniciativa restritiva ao tabaco é uma estratégia para evitar essas mortes e as doenças decorrentes do tabagismo.

Mas não é só isso: o cigarro prejudica também quem não fuma, polui o meio ambiente e a atmosfera.

Talvez te interesse ler também:

20 Motivos CONVINCENTES para Deixar de Fumar

Nunca é tarde para largar o cigarro: a mágica capacidade de multiplicação das células saudáveis para regeneração do pulmão

De olho na saúde dos jovens, cidade da Califórnia proíbe cigarros eletrônicos

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *