Mais espinhas hoje, menos rugas amanhã

espinhas-rugas

Ninguém gosta de ter uma espinha apontando no rosto, não é mesmo? Uma já gera desconforto, várias, então, viram um problema para muitas pessoas.

Há quem realmente sofra com as espinhas, que são uma inflamação na pele causada pela obstrução dos folículos pilosos por sebos ou células mortas, segundo a dermatologista Natália Cymrot explica ao Minha Vida.

A acne (espinhas, cravos, oleosidade), além do desconforto, causa até problemas emocionais. Mas esse problema, segundo uma pesquisa genética feita pelo King's College pode, no futuro, gerar bons resultados. Segundo o estudo da instituição londrina, pessoas que sofrem de acne na juventude são propensas a ter menos rugas no processo de envelhecimento.

A chave dessa transformação dermatológica está no telômero, uma estrutura que protege a ponta dos cromossomos. Quanto mais longa for essa essa estrutura, mais acne a pele produz e, também, menos rugas.

A explicação é porque os telômeros atuam protegendo os cromossomos durante a reprodução celular, processo que provoca o envelhecimento celular ao longo da vida. A cada divisão celular, o telômero fica mais curto (como um lápis que vai sendo apontado até acabar), conforme elucida a Exame.

Quando o telômero se gasta completamente, a célula não se replica. O final desse processo é a sua morte ou a inatividade, desencadeando a velhice e, também, o câncer. Fumar também está relacionado a esse processo, pois o cigarro acelera o encurtamento do telômero, causando o envelhecimento precoce e facilitando o surgimento de cânceres.

O experimento da pesquisa consistiu em avaliar o tamanho dos telômeros dos glóbulos brancos de 1.205 irmãs gêmeas, sendo que 25% delas sofriam de acne. As mulheres com espinhas tinham telômeros maiores do que as com a pele sem acne. Isso levou à conclusão de que quem sofre de acne tem telômeros mais compridos.

Os cientistas investigaram o gene que controla a acne, o ZNF420, que é o mesmo que controla o envelhecimento das células. Logo, a conclusão da pesquisa foi que: se o ZNF420 controla tanto o gasto de telômeros quanto as espinhas, os telômeros que resistem mais produzem mais acne e menos rugas

Talvez não sirva de consolo, agora, ter espinhas, mas no futuro, quem sabe, você vai estar com a pele lisinha e livre de rugas.

Especialmente indicado para você:

O QUE AS ESPINHAS NO ROSTO TÊM A DIZER SOBRE A TUA SAÚDE?

REMÉDIOS CASEIROS E CURAS NATURAIS PARA ACNES E ESPINHAS