Banhos de ervas: terapêuticos e práticos para o dia a dia

Os banhos de ervas sempre foram usados pela humanidade. Em cada região se conhecem uma variedade de banhos, feitos com as plantas locais, para algumas das necessidades do ser humano.

Todo banho de erva produz benefícios medicinais para além de serem muito relaxantes e agradáveis pelos aromas suaves que têm - aqui no Brasil são conhecidos também como banhos de cheiro.

A seguir apresentamos alguns banhos de ervas muito práticos para o dia a dia:

Banho de boldo

foto:wikipedia

Este banho é recomendado para doenças como artrites e reumatismo. Você deve ferver 1 litro de água com um punhado de boldo, por 15 minutos. Em seguida, junte esse chá forte à água quente da banheira e permaneça em imersão por, pelo menos, 10 minutos.

Banho de camomila ou matricária

foto:wikipedia

Este é um banho muito recomendado para quem tem problemas de origem nervosa ou para quem sofreu entorses ou inchaços no corpo, como resultado de golpes ou quedas. É um banho calmante que atua tanto nos músculos como na pele pelo seu aroma nos centros da emoção. Prepare um chá forte de camomila e acrescente à água da banheira.

Banho de menta ou hortelã

foto:wikipedia

Pode-se usar qualquer dos tipos de menta conhecidos para este banho, basta fazer um chá forte e misturar à água da banheira. Este é um banho muito indicado para problemas de origem nervosa pois reduz o estresse. Também é muito bom para melhorar a saúde da pele.

Leia também: HORTELÃ: 10 USOS EM CASA E NA COZINHA

Banho de mostarda

foto:wikipedia

Ponha 250 g de sementes de mostarda em 1 litro de água já fervendo e dilua na água da banheira. Este é um banho muito bom para tratar sintomas de gripe, bronquites e tosse assim como dores nas pernas. Também tem ação sobre o sistema nervoso.

Banho de sálvia

foto:wikipedia

Deve-se ferver um punhado de sálvia fresca em 1 litro de água, deixar repousar 10 minutos e diluir na água da banheira. Este é um banho excelente para problemas urinários como cistite.

Lembrete

foto: saitmalaysia2010

Banhos de imersão não devem ser muito prolongados pois promovem a redução da pressão arterial mas, para terem efeito terapêutico, você deve permanecer pelo menos 10 minutos na banheira.

Os banhos de ervas são mais efetivos quando feitos com ervas frescas. Algumas ervas podem ser fervidas junto com a água para que se faça a decocção dos seus princípios ativos.

As ervas que você escolhe para seus banhos terapêuticos também podem ser misturadas entre si.

Leia também:

10 ALIMENTOS E ERVAS QUE SÃO VERDADEIROS ANTIBIÓTICOS NATURAIS

DICAS PARA O CULTIVO DE ERVAS AROMÁTICAS NA VARANDA DE CASA

5 ERVAS AROMÁTICAS ANTICÂNCER

Fonte foto capa: simpatias.org