Malária: uma possível cura com Viagra?

malaria viagra

Do Viagra poderia surgir uma possível cura para acabar com a malária. O famoso comprimido azul poderia aumentar as células vermelhas do sangue e ajudar a bloquear a transmissão do parasita Plasmodium falciparum, hospedeiro responsável pela transmissão da malária no sangue, pelo mosquito Anopheles.

Viagra pode se tornar um aliado útil na luta contra a propagação da malária. Trata-se de resultados inesperados que foram obtidos em um estudo francês, realizado por um grupo de especialistas do Instituto Cochin em Paris, CNRS e Inserm.

O estudo foi publicado na revista científica PLoS Pathogens com o título de "cAMP-Signalling Regulates Gametocyte-Infected Erythrocyte Deformability Required for Malaria Parasite Transmission". 

Especialistas explicaram que bloquear o parasita Plasmodium falciparum, transmitido pelas fêmeas dos mosquitos Anopheles, tem sido designado como um objetivo estratégico para a eliminação global da malária, doença disseminada em regiões tropicais e subtropicais que se manifesta com febre alta e dores de cabeça, podendo levar ao coma ou à morte

De acordo com testes realizados pelos cientistas franceses, os comprimidos de Viagra seriam capazes de reforçar a rigidez das células vermelhas do sangue, o que poderia evitar a transmissão do parasita da malária.

Agora, os pesquisadores estão estudando algumas das moléculas presentes nos comprimidos de Viagra, para determinar se elas são realmente capazes de bloquear o ciclo de desenvolvimento do Plasmodium falciparum.

Até agora, os resultados seriam encorajadores e a descoberta poderia levar a novos métodos para prevenir a transmissão desta doença.

Leia também: Pernilongos preferem os cervejeiros

Fonte foto: nbcnews.com