Respirar: o segredo para perder os quilos a mais

Respirar o segredo para perder os quilos

As festas estão aí e tem muita gente já preocupada com os quilos que irá ganhar do papai Noel. Perder os quilos natalícios pode ser muito mais fácil do que você está pensando. Basta contar com a ajuda de seus pulmões, através de um gesto involuntário que todos nós repetimos milhares de vezes por dia: a respiração!

É o que se conclui do que fora publicado por alguns pesquisadores da University of New South Wales, com o título de When somebody loses weight, where does the fat go? (Quando alguém perde peso, para onde vai sua gordura?, em livre tradução).

A equipe de pesquisa, que teve os resultados de seus trabalhos publicados no British Medical Journal, mostrou que os pulmões têm um papel-chave no corpo também no que diz respeito à eliminação de gorduras e, portanto, à perda de peso corporal. Isto seria devido ao fato de que para separar as células adiposas (formadas por carbono, hidrogênio e oxigênio) é necessário quebrar os átomos de que são compostas as moléculas através de um processo chamado de oxidação.

Seria graças aos pulmões, através da respiração, a eficiência do processo pelo qual seríamos capazes de eliminar até 80% do nosso peso. A gordura oxidada, de fato, é expelida do corpo sob a forma de dióxido de carbono, enquanto apenas uma pequena percentagem de triglicerídeos é eliminada por meio de outros canais, por exemplo sob a forma de água através dos rins. A cada 10 kg de gordura, 8,4 kg são eliminados através dos pulmões e 1,6 é eliminado com a água.

"Estes resultados mostram que os pulmões são os ‘órgãos excretores' principais na perda de peso. Além disso, a água que se forma pode ser eliminada através da urina, suor, lágrimas, ou outros fluidos corporais. Enquanto o carbono exalado pode ser apenas substituído pela ingestão de alimentos ou bebendo leite, sucos ou refrigerantes. Para perder peso - dizem os pesquisadores - basta que você coma menos do que aquilo que vem eliminado através da respiração".

Aqui então, respirar, um gesto tão simples como essencial, comprova ainda ser mais importante para o nosso bem-estar do que imaginávamos.

Respire fundo e curta muito as festas de fim de ano :)

Leia também: No novo Guia Alimentar para a População Brasileira, o Ministério da Saúde adverte: menos processados e nada de ultraprocessados