Birdwatching: em vez de samba, que tal ouvir os pássaros cantarem neste carnaval?

Embora seja uma das festas mais populares no Brasil, o Carnaval não agrada todo mundo. Tem gente que, avesso ao barulho e agitação da época, prefere atividades bem mais tranquilas. Pois para esse público existe uma prática bem interessante, que pode ser realizada nos dias de folia: o Birdwatching.

Trata-se da popular observação de aves. Um hobby que favorece uma maior conscientização ambiental, empodera culturas locais e é um oásis de sossego e contato com a natureza.

A grande diversidade de aves no Brasil

A observação de aves é muito popular em outros países, especialmente nos Estados Unidos, mas conta com cada vez mais adeptos no Brasil. Estimativas mostram que são cerca de 30 mil adeptos do birdwatching em território brasileiro. E isso se explica, em parte, pela grande biodiversidade do país.

No mundo são cerca de 10 mil espécies de aves, sendo que quase 2 mil delas ficam no Brasil, que só perde para a Colômbia no quesito diversidade de aves.

Preservação ambiental

Além de ser uma imersão e tanto na natureza, a prática de birdwatching é boa para a ciência. A observação e catalogação dessas espécies ajuda os cientistas a estudarem melhor as rotas migratórias e a aperfeiçoarem o mapa de distribuição das espécies.

A prática promove ainda culturas locais, ao incentivar justamente o conhecimento de quem vive em tais regiões. Muitos moradores, incluindo as comunidades indígenas, podem se tornar guias.

O birdwatching tem baixo impacto ambiental e pode servir como forma de preservação ambiental dos espaços onde as aves estão localizadas.

Onde observar aves

Para quem gostou da ideia de observar aves, uma dica é conhecer alguns dos locais mais diversos para fazer birdwatching. Existem opções pelo Brasil inteiro, por exemplo:

  • no Pantanal, que conta com 650 espécies de aves,
  • no Parque Nacional da Serra de Bodoquena, no Mato Grosso do Sul,
  • a Trilha do Tucano, no interior de SP,
  • a Reserva Florestal de Macaé de Cima, no RJ,
  • Serra da Bocaina, que fica entre SP e RJ,
  • Fazenda Bananal em Paraty, 
  • no Cerrado Brasileiro na Trijunção (parque particular) e
  • na RPPN – Reserva Particular do Patrimônio Rio do Brasil.

Birders Young

O Brasil recebe também, anualmente, o maior evento de aves: o Birders Young, realizado pelo Laboratório de Ornitologia da Universidade de Cornell (EUA) com o apoio da RPPN, que tem como objetivo reunir jovens maiores de 12 anos para prática do birdwatching, favorecendo assim uma conscientização maior sobre a importância da conservação ambiental e de respeito a biodiversidade.

Talvez te interesse ler também:

Corrupião: uma das aves mais lindas do mundo, é típica da fauna brasileira

Uma das aves de rapina mais impressionantes do mundo corre sério risco de extinção

Quer fazer uma viagem ecológica, diferente e inesquecível? Conheça Tavares-RS

Sobre Daia Florios

Daia Florios
Ingressou no curso de Ecologia pela UNESP e formou-se em Direito pela UNIMEP. É redatora-chefe e co-founder de GreenMe Brasil.

Veja Também

Couve-flor e Brócolis: dois verdadeiros alimentos anticâncer

A couve-flor e o brócolis são dois vegetais da família das couves (Cruciferae ou Brassicae) …