Fotógrafos fazem ensaios completos e gratuitos para crianças com deficiências

Quer conhecer um projeto superbacana que está sendo realizado em 103 cidades brasileiras?

Trata-se do projeto Estrelinha, que nasceu em Curitiba, em 2014, graças à fotógrafa Viviane Bachega, que teve a ideia de reunir inclusão, solidariedade e beleza.

O Estrelinha atende crianças com qualquer tipo de deficiência a partir da ação de fotógrafos voluntários que fazem o registro delas. Cada voluntário participante entrega à criança um ensaio completo e gratuito.

Como participar

É muito fácil! Basta acessar o site do projeto e localizar um fotógrafo voluntário no mapa. Ao selecionar a sua região, aparecerá uma lista de fotógrafos próximos de onde você mora. Basta entrar em contato com o profissional por telefone ou e-mail para fazer o agendamento do ensaio.

Quem pode participar

Crianças de 0 a 18 anos com qualquer tipo deficiência podem ser fotografadas, entretanto, apenas um ensaio por família é permitido, a fim de ampliar a oportunidade de participação para todos os interessados.

As fotografias são entregues em um arquivo digital para você poder baixar no seu computador, no prazo máximo de 30 dias a contar da data em que o ensaio foi realizado.

Se você é fotógrafo, participe, também, do projeto Estrelinhas. Há, ainda, muitas regiões para serem atendidas.

O contato do projeto é [email protected].

Confira esse trabalho maravilhoso, que vem rompendo barreiras e quebrando estereótipos de beleza!

Talvez te interesse ler também:

ON BEAUTY: O DOCUMENTÁRIO QUE NOS MOSTRA A BELEZA DA DIVERSIDADE

FOTOGRAFIAS RETRATAM A FOFURA DE BEBÊS COM MICROCEFALIA

MODELO RECRIA CAMPANHAS FAMOSAS PARA PROMOVER DIVERSIDADE

Sobre Gisella Meneguelli

Gisella Meneguelli
É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.

Veja Também

Criança de maquiagem: permitir ou proibir? Quais são os riscos?

Pode parecer inofensiva a ideia de meninas pequenas se maquiarem, afinal de contas, muitas mulheres …