O novo emoji que está dando o que falar (até porque tem muitos significados)

A linguagem gestual nem sempre é universal. Os gestos têm significados próprios de acordo com a cultura em que são produzidos. Quem já viajou para fora do país deve ter escutado sobre uma tal etiqueta gestual que deve ser seguida para que sejam evitados constrangimentos e até mal-entendidos.

Com os emojis, temos uma simbolização universal que circula pelas redes sociais virtuais. A Unicode Consortium é uma organização sem fins lucrativos que coordena o desenvolvimento e a promoção do Unicode, que é um padrão que permite aos computadores representar e manipular texto de qualquer sistema de escrita existente. É a partir dele que os emojis são criados.

Um novo emoji está dando que falar, causando polêmica nas redes sociais. Isso porque ele tem significados diferentes em várias culturas. Na Itália, por exemplo, o gesto pode significar “o que é isso?”, “o que você está dizendo?”, “como assim?“, ou seja, é um gesto que indica um misto de dúvida com indignação ou incredulidade. Ao se perguntar aonde uma pessoa vai, na verdade quer-se dizer que ela está tomando uma direção errada, uma decisão equivocada; ao se perguntar “o que você está dizendo?”, quer-se dizer que a pessoa está proferindo algo absurdo.

Esse gesto tipicamente italiano – uma mão fechada em forma de concha – foi aprovado pelo Unicode como um novo emoji na nova versão 13.0. A novidade foi proposta pelo italiano Adriano Farano em colaboração com Jennifer Lee e o designer Theo Schear.

De acordo com Isabella Poggi, professora da Universidade de Roma Tre, trata-se de “um léxico de gestos comparável em grandeza e refinamento ao léxico da linguagem de sinais para surdos”, particularmente difundido principalmente no sul da Itália.

Entre os inúmeros gestos foi proposta a “mano a cuoppo”, que se move para frente e para trás sugerindo uma pergunta sarcástica, por ser uma das mais significativas e universais, usada não apenas na Itália mas também em vários outros países.

Entretanto, o gesto suscita interpretações diferentes. A jornalista Kim Zetter explicou à BBC que, em Israel, ele pode ter outras conotações. Uma delas é indicar a uma outra pessoa para ela se acalmar, ter paciência ou, até mesmo, um palavrão como “que p* é essa?”. Ela aposta que o novo emoji pode causar alguma confusão entre os usuários das redes sociais.

Na Nigéria, esse emoji pode significar uma discussão acalorada e, na Índia, um jeito de perguntar a alguém se está com fome.

Em países árabes, o gesto é ambíguo, podendo significar tanto “acalme-se”, “tenha paciência” quanto uma ameaça.

E no Brasil? Como você interpretaria essa mãozinha?

Enfim, emojis são altamente expressivos e sintéticos, além de divertidos!

Para serem criados, é preciso inscrever-se no Unicode. Em 2020, além da “mano a cuoppo”, como dizem os italianos, haverá ao todo 117 símbolos, entre eles a bandeira do orgulho trans.

Talvez te interesse ler também:

Surddy, o palhaço surdo: humor e alegria em um show de inclusão!

Tiro certeiro: foto com enquadramento perfeito captura homem e dromedário no deserto

Morador da favela, menor abandonado ou gay: o Jesus da Gente que a Mangueira levará à Sapucaí

Sobre Gisella Meneguelli

Gisella Meneguelli
É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.
Anteriores O ‘armário inteligente’ que lava sem sabão, seca e passa a roupa sozinho
Próximo Líderes indígenas vão ao Reino Unido pedir apoio ao primeiro-ministro Boris Johnson

Veja Também

Os maravilhosos murais que consomem poluição atmosférica e purificam o ar

Existem murais que purificam o ar e estão tornando uma alternativa para diminuir a poluição …