Se a Natureza falasse, o que nos diria?

Que nós, humanos, precisamos dela, mas ela não precisa de nós. Essa é a mensagem que a Conservação Internacional (CI) – ONG brasileira cujo objetivo é trabalhar por um planeta saudável e produtivo para todos – quer transmitir com sua campanha “A Natureza Está Falando.”

A ONG elaborou filmes curtos com cenas poéticas e imponentes de diferentes elementos da Natureza – e chamou personalidades brasileiras proeminentes, como Rodrigo Santoro, Maitê Proença, Maria Bethânia, Gilberto Gil, Pedro Bial e outros, para lhes dar voz.

No site da CI, já estão disponíveis os filmes da “Mãe Natureza” (Bethânia), “A Água” (Proença) e “O Oceano” (Santoro). Outros ainda serão publicados: “A Flor”, “O Recife de Coral”, “O Sol” e “A Floresta”. Na página de cada filme, a ONG ainda lista as principais ameaças que aquele respectivo elemento está sofrendo, e as soluções existentes para melhor preservá-lo.

O site da campanha pode ser acessado através deste link.

Imagine ouvir, “Pra mim não faz diferença, com ou sem humanos. Eu sou o Oceano. Eu já cobri este planeta inteiro uma vez. E eu posso cobri-lo novamente. É tudo o que tenho a dizer”.

Por mais fictício que seja, a mensagem fica. E é isso que importa.

Leia também: UM FILME SOBRE AUTODEMARCAÇÃO DE TERRAS, FEITO POR GUERREIRAS INDÍGENAS

Fonte foto: ConservacaoInternacional