Animais selvagens e encantadores nas belezas naturais da Croácia

  • atualizado: 
Lince

A Croácia é um país que cada vez mais tem atraído viajantes de todo o mundo por causa de sua riqueza histórica e, também, por sua natureza exuberante.

Magníficas Fauna e Flora

O país do leste europeu tem uma relação especial com a natureza: parques nacionais e parques naturais cobrem 10% do seu território. Até a moeda nacional, o kuna, reverencia a natureza local e as flores da limeira, árvore típica no país, estão representadas no anverso das moedas. A flor nacional é a Iris croatica, uma flor roxa encontrada por todo o país.

A natureza croata é dignamente representada pelo poderoso carvalho eslavo, cuja madeira, como os carvalhos americanos e franceses, é muito apreciada pelos produtores de vinho de todo o mundo. O carvalho é a madeira usada para fazer barris em que o melhor vinho do mundo envelhece. Para experimentar a magnificência do carvalho eslavo em seu habitat natural, o site Croatia Feeds recomenda visitar os quarenta hectares de floresta nos arredores da cidade de Županja. Ainda mais impressionante é a reserva botânica da floresta Prašnik, uma área estreita entre Nova Gradiška e Okučani onde você terá a sorte de visitar uma das florestas de carvalho mais antigas da Europa.

Os parques naturais de Lonjsko polje e Kopački rit, em Baranja, são duas das maiores zonas úmidas do sudeste da Europa, ricas em diferentes habitats.

Já a sua fauna não é menos espetacular e, para quem ama e respeita os animais e gostaria de visitar um lugar onde fosse possível avistá-los dentro do ambiente natural deles, na Croácia não faltarão maravilhosos exemplares de pura vida selvagem... encantadora.

Cervos, cegonhas, águias

cervos croacia

Um lugar imperdível para quem for visitar a Croácia é Kopački rit, candidato à lista de Patrimônios da Humanidade pela UNESCO. A região é conhecida por seus cervos, mais de trezentas espécies de pássaros e pelo complexo muito remoto de pântanos, bosques e campos. Duas espécies de aves chamam a atenção: a águia-de-cauda-branca ou a águia-cinzenta e a cegonha-preta.

Lonjsko polje está localizado perto da cidade de Sisak, a cerca de cinquenta quilómetros de Zagreb. Esta zona úmida é o habitat natural de 238 espécies de aves, 10 espécies de répteis, 16 espécies de anfíbios, 41 espécies de peixes e 550 espécies de plantas. A aldeia de Čigoč, nas redondezas, foi proclamada "país europeu da cegonha". Por falar em cegonhas, para ver a espécie você deve visitar a cidade de Slavonski Brod.

As montanhas e florestas da Croácia continental, a cadeia de Velebit e a região de Gorski kotar são um excelente exemplo de espaços ilimitados nos quais ursos e javalis vivem suas vidas em absoluta liberdade.

Mas é a fauna subterrânea, aquela que escolheu viver em cavidades hipogênicas, que despertam a maior maravilha. Alguma vez você já se perguntou como seria se fosse forçado a viver mais de um quilômetro abaixo do nível do solo? Recentes pesquisas espeleológicas sob as montanhas Velebit descobriram uma nova espécie de sanguessuga muito estranha, a Croatobranchus mestrovi, que vive a 1.320 metros abaixo da superfície da Terra.

Mesmo as cavernas ao redor de Ogulin escondem dentro de si mistérios muito sugestivos, como, por exemplo, o Eunapius subterraneus, uma esponja subterrânea descoberta em Ogulin, em 1984.

Também os rios croatas são habitados por interessantes espécies animais. O peixe do mar pescado no Adriático é certamente mais conhecido e apreciado na gastronomia, o que não diminui o interesse das várias espécies de peixes nativos presentes nos rios da Croácia. Entre as espécies animais que não são vistas todos os dias, estão o proteus, aquele animal cego e pálido que nada entre as rochas aquáticas.

Ursos, lobos e linces

lobo croacia

Mas os melhores representantes da natureza croata são os animais selvagens que vivem na superfície. Ursos, lobos e linces são praticamente extintos em muitos países da Europa Ocidental, mas na Croácia, em várias áreas selvagens onde a vida mudou muito pouco ao longo dos séculos, esses três grandes carnívoros vivem e prosperam graças à proteção garantida pelos parques.

Após ser declarado extinto em toda a região, o lince foi reintroduzido na Eslovênia em 1973, como parte do projeto eslovaco de preservação da espécie. A partir desse momento, o lince reapareceu também nas zonas montanhosas de Gorski kotar e Velebit, habitats naturais adequados para o seu estabelecimento. Hoje, na Croácia, foram contados cerca de sessenta espécimes de lince, dos quais alguns são pares no Parque Nacional dos Lagos de Plitvice. Há razões para acreditar que o Parque Nacional de Risnjak deve seu próprio nome a esse animal.

Os dados estatísticos de 1894 mostram como a presença do lobo foi difundida em todo o território da Croácia e como, em cada região, a quantidade de abate atingiu números recordes. Hoje, o número de lobos que vive na natureza é muito pequeno; a área em que essa espécie protegida está presente é limitada a Gorski kotar, Lika e algumas áreas da Dalmácia interna.

A população de ursos hoje tem cerca de mil exemplares. A Croácia é conhecida pelo alto grau de coabitação entre homem e urso. Ursos vivem livremente em parques nacionais e nos parques naturais do país, mas para vê-los de perto vale a pena visitar o centro de abrigo para ursos jovens, em Kuterevo, o único do gênero em toda a região.

Imperdível Croácia!

Em suma, dos picos das montanhas aos vales amplos dos rios, a biodiversidade da Croácia oferece novas experiências a cada passo. Já deu vontade de fazer as malas!

Talvez te interesse ler também:

OS MELHORES DESTINOS PARA QUEM AMA A NATUREZA

SANTUÁRIOS ÉTICOS: SIM, ELES EXISTEM. COLOQUE NO TEU ROTEIRO DE VIAGEM

10 ANIMAIS SELVAGENS (ESTRANHOS E LINDOS) DOS QUAIS VOCÊ NUNCA OUVIU FALAR

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!