Carvão Vegetal → Benefícios, Contraindicações e Como Usar

  • atualizado: 
Carvão Vegetal

A natureza guarda inúmeras possibilidades de uso para fins medicinais, e talvez seja pouco o que sabe até agora a respeito disso. No entanto, já existem alguns elementos comprovadamente eficazes para tratar uma série de doenças, entre eles o carvão vegetal ativado.

Não se trata – vale lembrar – daquele carvão encontrado em supermercados, utilizado para fazer assados.

O carvão vegetal ativado é produzido a partir da queima de determinados tipos de madeira, por meio do controle de temperatura e de oxigênio.

Esse processo o torna um elemento bastante poroso, absorvente, e essa característica é o grande segredo por trás de todos os benefícios desse importante material.

Conheça abaixo quais são eles.

1. BENEFÍCIOS DO CARVÃO VEGETAL

Por ser um elemento essencialmente poroso, o carvão vegetal ativado é muito utilizado em casos de desintoxicações, no entanto os benefícios dele não param por aí:

  • É desintoxicante
  • Faz bem para o sistema digestivo
  • É utilizado para tratar picadas de insetos
  • Pode ajudar a clarear o dente
  • É bom para a pele
  • Reduz o colesterol
  • Em casos de envenenamento
  • Para curar ressaca

1.1. É desintoxicante

Como mencionado, o carvão vegetal ativado tem grande capacidade de absorver produtos químicos e toxinas, promovendo a eliminação deles através das fezes. Por esse motivo é indicado nos casos de intoxicação alimentar ou medicamentosa, bem como para fazer uma limpeza orgânica, livrando o organismo das toxinas nocivas ao corpo.

1.2. Faz bem para o sistema digestivo

Por atuar limpando o organismo das toxinas, o sistema digestivo é um dos maiores beneficiados dessa propriedade do carvão vegetal. Ele ajuda no tratamento e prevenção de gastrites, diarreias, gases, mau hálito, gastroenterites, entre outras doenças intestinais.

1.3. É utilizado para tratar picadas de insetos

O carvão vegetal ativado tem grande capacidade de absorver o veneno transmitido por picadas de alguns insetos, como escorpiões, cobras, aranhas, abelhas, entre outros.

Leia também: AS PICADAS DE INSETOS MAIS COMUNS - EM FOTOS PARA VOCÊ RECONHECÊ-LAS

1.4. Pode ajudar a clarear o dente

A grande capacidade de absorção também faz do carvão vegetal ativado um aliado da saúde e beleza dos dentes. É possível utilizá-lo para escovação, pois ele equilibra os níveis de PH da boca, e absorve agentes nocivos, que podem causar placa bacteriana, cáries, mau hálito, etc.

COMO CLAREAR OS DENTES DE MODO EFICAZ E NATURAL

1.5. É bom para a pele

O carvão vegetal ativado também ajuda a revitalizar a pele, melhorando o aspecto dela, e ajudando no tratamento de problemas, como a acne.

1.6. Reduz o colesterol

Os níveis de colesterol também são equilibrados com a utilização do carvão vegetal ativado. Um estudo publicado na revista The Lancet, por exemplo, mostrou diminuição de 41% no colesterol ruim – LDL – nos pacientes que fizeram uso de 8 gramas de carvão vegetal por dia.

1.7. Em casos de envenenamento

Em casos de envenenamentos acidentais ou intencionais, usa-se o carvão vegetal ativado para reduzir a absorção do veneno pelo organismo. A dose a ser administrada deve ser bem superior à quantidade estimada, em peso, do veneno ingerido, em torno de 8 a 10 vezes. Este procedimento é feito em casos de emergência enquanto o paciente (inclusive animais) se encaminham para o pronto socorro onde provavelmente se fará uma lavagem gástrica para a retirada da substância venenosa, caso esta tenha sido induzida por via digestiva.

1.8. Para curar ressaca

Embora a verdade é que ressaca não tem cura, há quem diga que depois de uma noite de bebedeira, tomar carvão vegetal de manhã melhora os sintomas do mal-estar. Outros usam o carvão antes de beber para diminuir a absorção do tóxico álcool pelo organismo ou, antes de dormir, quando chegam em casa tropeçando depois de encher a cara, sempre com o intuito de diminuir a absorção do álcool, caso se lembrem deste fato! A dose seria 1g em qualquer das situações citadas.

2. CONTRAINDICAÇÕES DO CARVÃO ATIVADO

Apesar de possuir poucas contraindicações, vale lembrar que o carvão vegetal ativado só deve ser utilizado mediante orientação médica, pois existe sempre o risco de causar efeitos colaterais indesejados, além de ser importante ter em mente que cada organismo é único e reage de modo diferente às substâncias ingeridas.

Entre os principais efeitos colaterais do carvão vegetal, estão:

  • Vômitos
  • Fezes negras
  • Prisão de ventre
  • Diarreia

Existe ainda o risco de desidratação, tendo em vista que o carvão vegetal ativado é muito absorvente. Por isso é importante tomar bastante água, durante a ingestão desse composto.

Além disso, pessoas que fazem uso de medicamentos não podem tomar o carvão vegetal ativado ao mesmo tempo, pois ele pode absorver as substâncias contidas nos remédios, e prejudicar o tratamento.

Por fim, casos de úlceras e problemas gastrointestinais graves também não devem utilizar o carvão vegetal ativado.

3. ONDE ENCONTRAR CARVÃO VEGETAL ATIVADO?

O carvão vegetal é encontrado em farmácias e lojas de produtos naturais. Existe as opções em cápsulas, em pó e tabletes.

4. COMO USAR O CARVÃO VEGETAL ATIVADO?

O seu uso deve ser feito longe do horário das refeições, pois ele pode comprometer a absorção dos nutrientes necessário para o organismo. Lembrando que para cada copo de água (250 ml) deve se utilizar 1 colher (chá) de carvão vegetal.

O indicado é tomar de dois a quatro copos por dia, mas apenas o especialista saberá exatamente qual a necessidade de cada um. Por isso, não se esqueça de consultar um médico, antes de aderir ao uso do carvão ativado.

5. VÍDEO ENSINA COMO USAR

O Dr. Dayan Siebra ensina como usar esse incrível remédio natural:

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!