Confrei é muito eficaz na cicatrização de feridas. Veja como usar!

  • atualizado: 
Confrei

O confrei é uma planta conhecida por suas propriedades cicatrizantes, e também, por sua hepatotoxicidade. Para usar plantas medicinais, estude bem antes. Não é por ser planta, natural, que sempre será saudável, ou inócuo. Vamos conhecer o confrei, então.

Confrei, consolda ou consólida, é a planta Symphytum officinale, da família das Boraginaceae, erva medicinal muito usada nas medicinas populares desde a antiguidade, com indicação de tratar doenças gastrointestinais, disenterias, inflamações, reumatismos, hemorroidas, tosses e, principalmente de ser muito eficaz na cicatrização de feridas, internas ou externas.

Do confrei tudo se usa

Na Europa e Ásia o confrei é cultivado e usado como forrageira para avesrico em proteínas).

Suas folhas eram usadas na alimentação humana, desde a antiguidade (na década de 70 é que surgiu a questão sobre o uso interno do confrei) em saladas, refogados ou chás.

No uso externo, como pomada, cataplasma ou água, podem-se usar as folhas, flores e raízes, em distintas formulações.

Como usar o confrei

Algumas receitas boas para o uso do confrei você encontra aqui. Estas são as indicações tradicionais, tanto de uso interno quanto externo. No uso interno, caso decida fazê-lo, restrinja a ingestão a 2 copos de chá por dia, por 3 semanas, no máximo.

círculo verde Alcoolatura: misturar 1 parte de sumo das folhas em 5 partes de álcool. Aplicar sobre as partes afetadas.

círculo verde Cataplasma de 6 g de folhas amassadas ao ponto de pasta e aplicar sobre o ferimento, várias vezes ao dia. Pode-se adicionar glicerina à pasta.

círculo verde Emplastro: esmagar as folhas em água morna e aplicar sobre o ferimento 2 vezes ao dia. No caso de contusões e inchaços, colocar o emplastro dentro de um pano antes de aplicar.

círculo verde Infusão ou Tisana: 30 g de folhas por litro de água e 2 folhas velhas em 2 copos de água quente. Tomar 3 vezes ao dia;

círculo verde Compressa: usar o decocção das folhas sobre feridas e queimaduras, várias vezes ao dia;

círculo verde Alcoolatura de 1 parte do sumo em 5 partes de álcool.

círculo verde Decocção: 4-5 g de chá em 250 ml de água, para lavar feridas.

círculo verde Infusão a 5%: para gargarejos 2 a 3 vezes ao dia.

círculo verde Suco fresco: psoríase.

círculo verde Extrato: utilizar 10-15% em cremes.

Mas, o melhor mesmo é você sempre consultar um fitoterapeuta para seu tratamento específico pois, é preciso saber que as ervas também interagem entre si e, muitas vezes, com medicamentos de farmácia ou alimentos, alterando seus efeitos.

Contraindicações do confrei

O confrei tem seus efeitos negativos, no uso interno, que não são de se desprezar.

O uso prolongado de confrei, em chá ou cápsulas, pode ter efeito bastante tóxico no fígado e, inclusive, poderá facilitar o aparecimento de tumores. Esta sua condição, ao que presumo, deve-se ao fato de que o confrei tem a propriedade de incentivar a reprodução de células, fator bastante positivo quando se trata da cicatrização de tecidos sadios porém, que se torna negativo caso existam células cancerígenas.

Mas, não só afeta o fígado - segundo algumas fontes, o uso interno prolongado poderá afetar os brônquios e a bexiga também.

Especialmente indicado para você:

setaEQUINACEA: USOS, BENEFÍCIOS E CONTRAINDICAÇÕES

seta8 PLANTAS MEDICINAIS FÁCEIS DE SE CULTIVAR EM CASA

setaVERBENAS - UMA FAMÍLIA DE ERVAS MEDICINAIS