Amigdalite: tratamentos caseiros rápidos e eficazes

trateamentos caseiros amigdalite

Rouquidão, dor de garganta e mau hálito pode representar o quadro de amigdalite, uma inflamação das amígdalas quase sempre nos momentos mais inoportunos. Muito frequentemente, esta inflamação será causada por bactérias, mas não deve gerar grande preocupação além dos incômodos físicos. Vejamos sobre a amigdalite, os tratamentos caseiros existentes, rápidos e eficazes.

O que é amigdalite?

A principal função das amígdalas é proteger o organismo da entrada de certos micróbios. No entanto, é comum que as próprias amígdalas sejam alvo dos mais variados organismos, como as bactérias. Quando isso acontece, elas inflamam e é então caracterizado o quadro de amigdalite.

Sintomas da amigdalite

Muito frequentemente a amigdalite apresentará os seguintes sintomas:

Febre

Mau hálito

Dor de garganta

Calafrios

Dor de cabeça

Rouquidão na voz

Dificuldade em ingerir alimentos

Manchas esbranquiçadas nas amígdalas

Em termos práticos, quem está sofrendo com amigdalite terá a sensação de inchaço no céu da boca próximo ao início da garganta. Esta sensação vem acompanhada de dor e dificuldade de ingerir alimentos.

Tratamentos caseiros rápidos e eficazes para amigdalite

Quando diagnosticada por um médico, a amigdalite é normalmente tratada com antibióticos e anti-inflamatórios para cessar a dor. Há, no entanto, tratamentos caseiros rápidos e eficazes para eliminar a amigdalite do nosso corpo:

Cúrcuma

curcuma

A cúrcuma é uma velha conhecida dos tratamentos caseiros. Possui propriedades antimicrobianas e também anti-inflamatórias. Recomenda-se uma pitada de cúrcuma em um copo de água morna ou quente (não fervendo) por dia;

Mel

mel

O mel possui propriedades com características antimicrobianas, portanto sua ingestão colabora na eliminação da amigdalite. Recomenda-se no mínimo 4 colheres de sopa de mel por dia.

Chá de gengibre

cha-gengibre

gengibre é um anti-inflamatório e antimicrobiano natural. Basta esmagar um pedaço de gengibre em um copo com água e fazer infusão por cerca de 10 minutos. Em seguida, beba.

setaLeia também: 10 RECEITAS DE CHÁ DE GENGIBRE: QUENTE E GELADO

Chá ou suco de cebola

cebola

Tomar chá de cebola é uma prática corajosa, porém necessária. A cebola possui diversas propriedades antimicrobianas que ajudarão na recuperação de amigdalite. Caso o chá seja intragável para seu paladar, é possível amassar meia cebola e colocá-la em um copo com água quente. Aguarde 10 minutos e faça gargarejo com a água;

Suco de limão

suco-limao

O limão é uma das frutas com maiores cargas de ácido ascórbico que existem na natureza. Sua ingestão é capaz de prevenir gripes, resfriados e ainda fortalecer o sistema imunológico, ajudando na recuperação da amigdalite. O ideal é que se beba um copo de suco de limão (sem açúcar) pela manhã e outro à noite antes de se deitar. Caso queira unir o útil ao agradável, é possível adoçar o suco de limão com uma colher de mel, garantindo assim as propriedades deste maravilhoso feito das abelhas.

No mais, é importante também que se evite a qualquer custo mudanças drásticas de temperatura que podem agravar o caso e ainda trazer resfriados nada apropriados.

setaLeia também: ÁGUA COM LIMÃO: 10 BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE

Recomendações gerais em casos de amigdalite

Como vimos, a amigdalite pode ser muito incômoda, causando dores de garganta, de cabeça, pescoço, rouquidão e diversas outras mazelas que abrangem todo este sistema. Por isso, é importante que um médico também seja consultado caso os sintomas surjam e causem incômodos além do período de tratamento. Somente um profissional de saúde qualificado poderá recomendar o tratamento ideal para cada caso em particular.

Leia mais sobre remédios caseiros: 

setaREMÉDIOS NATURAIS PARA AS DOENÇAS MAIS COMUNS

setaCALCANHARES RACHADOS: 10 REMÉDIOS NATURAIS QUE REALMENTE FUNCIONAM

setaCONHEÇA 10 REMÉDIOS NATURAIS PARA HEMORROIDAS