SAL DE ERVAS: Um Substituto Saudável Para o Sal Comum. RECEITA

  • atualizado: 
sal de ervas

O sal é necessário só que, quando em excesso, faz um mal danado. Então, um bom jeito de você temperar seus cozinhados é misturar o sal com uma quantidade de ervas ou especiarias. A receita à seguir tem a vantagem de juntar os benefícios do alecrim, do orégano e do manjericão.

Como você sabe, e bem, as ervas e especiarias têm suas propriedades específicas que são boas para nosso organismo, fora o valor de condimentar, temperar, o que vamos levar à mesa, valor esse muito interessante para o processo digestivo.

Você vai precisar de sal (prefira um que seja orgânico, marinho, quanto menos seco melhor é pois conterá também magnésio, que é fundamental) e ervas secas - hoje vamos usar alecrim, manjericão e orégano mas, claro, você poderá fazer seu sal de ervas com outras combinações (tomilho, estragão e cúrcuma ou gengibre, pimenta caiena e canela, enfim, criatividade a mil).

Sal que não é seco?

Sim, o sal é naturalmente higroscópico porque tem, em sua composição original, uma importante quantidade de cloreto de magnésio - lembra para que serve? CLORETO DE MAGNÉSIO, SAL CURADOR PARA AS PESSOAS DE MEIA IDADE

Então, escolha um sal que não seja refinadíssimo e ao qual não tenham retirado justamente o cloreto de magnésio que é tão importante. Mas, claro, sal não refinado empedra, não sai do saleiro, entope os buraquinho, é mais difícil de se manter porém, é muito mais saudável.

Eu gosto mais de sal marinho, não refinado mas, é preciso conhecer a procedência pois, todo sal (de mar, de pedra) possui traços, mais ou menos importantes, dos minerais que o solo contêm e isso, pois, nem sempre é bom para nosso organismo. Gosto mesmo é do sal de Aveiro que é comparável, em qualidade, ao nosso sal de Mossoró.

Não aconselho o uso do chamado Sal do Himalaia (sim, sei que tem mais de 80 minerais interessantes mas, também tem uma quantidade enorme de flúor e minerais radioativos, próprios do solo do Paquistão, de onde este sal, verdadeiramente, vem, que não interessam engolir. Ademais, sal do himalaia é caro e carregado de sílica. É bom para banho, não é para comer, ok?)

Alecrim

alecrim

Alecrim é usado para temperar tudo o que você goste, de saladas a cozinhados, pratos assados ou mesmo crus ficam deliciosos com alecrim. Além disso, alecrim é um bom estimulante - da memória, das funções cardíacas e do bom ânimo - sendo também boa ajuda no equilíbrio dos processos digestivos.

setaALECRIM → AS PROPRIEDADES CURATIVAS QUE ALIMENTAM O CÉREBRO

Manjericão

manjericão

Manjericão é erva santa, uma folhinha por dia te garante saúde, diz o povo, e tem razão. Manjericão é rico em magnésio e, só por isso já vale a pena acrescentar aos alimentos diários.

setaMANJERICÃO: USOS, BENEFÍCIOS E COMO CULTIVAR

Orégano

oregano


Orégano é um dos maiores antissépticos que existem para além de ter uma função positiva na manutenção do equilíbrio digestivo e das funções intestinais.

setaORÉGANO É BOM PARA QUÊ? 8 USOS PARA PROBLEMAS COMUNS

E, lá vai a receita

Use uma balança de medidas para manter as proporções e não extrapolar a quantidade do sal que é, justamente, o que temos de controlar. Como base, caso você não tenha balança, use uma colher de sopa cheiona para as ervas e meia colher de sopa, rasinha, para o sal que escolheu.

Não é fundamental que você use ervas desidratadas - também se pode usar ervas frescas mas, aí você deverá duplicar as medidas de ervas e o seu tempero final ficará mais pastoso e deverá ser conservado na geladeira, ok?

20 gramas de alecrim desidratado
20 gramas de manjericão desidratado
20 gramas de orégano desidratado
10 gramas de sal marinho
Bata tudo junto, bem batido, no liquidificador. Guarde em pote de vidro bem fechado.

Como usar o sal de ervas

Use ao gosto, na mesma quantidade em que você usaria o sal comum. Vai uma colherada no feijão, outra no arroz.

Para temperar peixes, misture uma colherada do sal de ervas com azeite e passe pela peça que irá ao forno.

Fica uma delícia sobre batatas cozidas e no omelete, bem batido com o resto dos ingredientes.

O sal de ervas é vantagem pois vai reduzir, em muito, a sua ingestão de sódio, sem reduzir o sabor dos alimentos preparados.

Especialmente indicado para você:

seta18 PLANTAS QUE VÃO TE AJUDAR A REPELIR OS INSETOS DA CASA E PRAGAS DO JARDIM

setaÓLEO DE ORÉGANO: TODOS OS USOS PARA CUIDAR DE SI. VEJA COMO USÁ-LO

setaERVAS, ESPECIARIAS E TEMPEROS: O QUE COMBINA COM O QUÊ