Plantas raras do Brasil movimentam mercado milionário na internet

Plantas raras do Brasil movimentam mercado milionário na internet

Plantas no Brasil têm sofrido bastante com a degradação do meio ambiente, e muitas espécies podem ser consideradas quase extintas em nossa flora.

Porém, a grande procura por cultivos caseiros de plantas ornamentais tem intensificado um processo de anúncios em redes sociais, oferecendo espécies raras e quase extintas.

Algumas plantas são expostas no Instagram por colecionadores e vendedores que chegam a oferecer algumas por até R$ 150 mil.

Espécies atualmente raras fazem sucesso

Muitas espécies de plantas estão sendo bastante procuradas por pessoas que ao longo da pandemia intensificaram a formação de jardins urbanos em suas residências.

Muitas plantas desejadas fazem parte de listas em extinção ou já não são mais encontradas em ambientes naturais.

Entre essas, a Philodendron spiritus sancti, conhecida como Trepadeira Capixaba é um destaque, pois há algumas décadas desapareceu da natureza. Por isso, bastante desejada por consumidores e contrabandistas que atuam no país.

Polêmicas com as plantas exóticas

Colecionadores de plantas se orgulham de suas coleções e as divulgam nas redes sociais, muitos são botânicos ou biólogos que contam com milhares de seguidores.

Porém, outros estudiosos e pesquisadores condenam a prática, por entender que plantas não deveriam ser tratadas como objetos de consumo e contemplação pessoal.

Ao contrário, como integrantes da natureza.

De qualquer forma, há um entendimento comum de que essas atitudes contribuem para manter as espécies vivas, o que é uma interpretação bastante realista das condições que o Brasil oferece atualmente para evitar a destruição de espécies raras e nativas.

E você? O que acha de ter essas beldades dentro de casa?

Talvez te interesse ler também:

URBAN JUNGLE: faça você mesmo a sua floresta em casa

Jasmim-dos-Poetas: poema em forma de planta, versos em forma de flores

Como se ver livre de maria-fedida em casa e no jardim

Palmeira-areca: como cuidar

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *