Cachorro na praia: veja os riscos à sua saúde e tome os cuidados

  • atualizado: 
Cachorro na praia

Quem quando criança (e já adulto também) não se encantou com uma cena de filme na qual havia um Golden Retriever lindo correndo na praia e tomando um banho de mar? Em muitas praias é proibido que cachorros circulem pela areia e entrem na água por uma questão de higiene. Mas do lado deles, quais são os riscos que os cachorros podem sofrer indo à praia?

Um passeio aparentemente agradável na praia com um cachorro pode acarretar alguns ricos para ele. O dono deve tomar alguns cuidados de higiene e hidratação para que o bichinho não sinta nenhum incômodo.

O que pode acontecer com o cachorro?

cachorro praia

Dirofilariose

Sempre antes de viajar, caso você não more na praia, é adequado levar o seu pet ao veterinário, já que a praia pode provocar nele problemas dermatológicos e dirofilariose, uma doença também conhecida como verme do coração e que pode ser combatida com vermifugação.

Conforme Renata Piazera, farmacêutica da Fórmula Animal, alertou para o Blog da Folha, “essa enfermidade é transmitida por mosquitos, presentes no litoral. O parasita se aloja no coração do bichinho, e os sintomas podem demorar anos para se manifestarem. Outro ponto de alerta é que ela é transmissível aos humanos, podendo provocar problemas pulmonares”.

Cuidados com o sol

Outro cuidado importante é com o sol. Evite expor o seu bichinho ao sol entre as 10h e as 16h e passe nele um protetor solar, para evitar câncer. Já existem produtos específicos para os pets. As regiões que merecem mais atenção são orelhas e focinhos e, aqueles que têm o pelo mais curto, devem receber o protetor na área do tronco, recomenda a veterinária Carla Storino Bernardes, da Cobasi.

Hidratação

Não deixe de oferecer água ao bichinho, que precisa ser hidratado no calor. Ou seja, as mesmas regras que valem para você, valem para o seu cachorro.

O calor, a areia e a água salgada podem provocar dermatites, conjuntivite e complicações intestinais nos cachorros, porque na praia há fezes de outros animais. Já a água do mar pode provocar inflamação de ouvido e alergias oculares, afirma Piazera.

Pura alegria!

Seguindo todos os cuidados e encontrando uma praia que permita a entrada de animais, vai ser muito divertido levar o seu caozinho para se divertir e se rolar na areia!

Especialmente indicado para você:

COMO O CACHORRO SE TORNOU O MELHOR AMIGO DO HOMEM?

LAMBIDA DE CACHORRO FAZ MAL À SAÚDE?

LISTA DE ALIMENTOS SAUDÁVEIS PRA CACHORRO (LITERALMENTE)