Como amadurecer abacate rápido? 7 dicas e truques fáceis

Como amadurecer abacate rápido? 7 dicas e truques fáceis

Comprou abacate verde mas está com vontade de comê-lo logo, ou até abriu o abacate e ele estava verde, e agora você precisa usá-lo para o jantar que combinou com os amigos? Fique tranquilo (a) que vai dar tudo certo, você não precisa jogar o abacate fora e vai poder amadurecê-lo de maneira mais rápida.

Veja dicas e truques para resolver esse probleminha.

O abacate é um fruto muito rico e saudável, repleto de benefícios comprovados que nos fazem bem da cabeça aos pés.

O óleo do abacate contém nutrientes que tratam o corpo por dentro e por fora, ajuda no tratamento de  várias doenças, da hipertensão à problemas de pele.

Talvez seja esse o motivo de você querer fazer receitas com abacate para você ou para tuas visitas, mas de fato, às vezes acontece de o abacate não estar maduro o suficiente.

O fitormônio etileno (C2H4) é essencial para o amadurecimento deste fruto climatérico, ou seja, continua a amadurecer depois de colhido.

Por causa disso, o abacate normalmente é colhido verde, justamente para suportar o tempo de transporte, temperaturas variadas e armazenamento até chegar ao mercado próprio para o consumo.

Dicas sobre a maturação do abacate

Quanto mais verde, brilhante e dura a casca, mais imaturo o abacate estará.

Para saber quando o abacate está maduro, a primeira regra é verificar a consistência e cor da casca. Cascas mais escuras, com alguns pontos pretos, por exemplo, podem demostrar que o fruto está maduro. Outra forma, é a consistência, um pouco amolecidos também demonstram que estão no ponto certo.

Outra dica é tirar o cabinho do abacate. Se ao retirar a haste o abacate estiver verde, significa que ainda não está totalmente maduro, sendo uma boa opção para levar para casa se for comer alguns dias depois. Se estiver marrom, tem grandes chances do fruto ter passado do ponto de maturação.

Para a colheita, o ideal é aguardar o abacate completar no mínimo 50% do seu desenvolvimento, para garantir que o sabor foi todo processado no período de formação do fruto. Dessa forma, ainda levará 10 dias para a maturação. Quanto mais próximo o abacate estiver da época adequada à sua colheita, mais rápido se iniciará sua atividade respiratória. Neste caso haverá a perda de sua consistência um ou dois dias após ele ter atingido o pico de amadurecimento.

A temperatura mais recomendada para o amadurecimento do abacate é a de 21ºC, onde o fruto se mantém uniforme, adquirindo bom aroma e sabor. Não se deve proceder o amadurecimento em níveis de temperatura acima de 27ºC, porque podem alterar significativamente a qualidade do fruto, quanto à textura da polpa e até o sabor.

Foto: graus de maturação

Note na imagem abaixo os graus de maturação. Os graus 4 e 5 são maduros. Os anteriores indicam os dias aproximadamente para a maturação.

A cor nem sempre é tão indicativa quanto a consistência obtida com uma leve pressão. Na imagem 5 o abacate está bom para guacamole, na 4  está bom para comer fatiado em salada, por exemplo.

Fonte foto

Truques para amadurecer o abacate mais rápido

Mas se você comprou o abacate muito verde e quer acelerar o seu amadurecimento, alguns truques podem te ajudar.

Enrolar o abacate no jornal

O truque mais antigo que existe para acelerar o amadurecimento de uma fruta é enrolá-la no jornal. Esse processo, conhecido de nossos avós, de fato, funciona, mas ele não é tão rápido.

De acordo com Murilo Freire, pesquisador da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) as frutas, quando chegam à fase de maturidade fisiológica, começam a produzir um gás que ajuda no seu amadurecimento: o etileno. É essa substância, que, entre outras coisas, leva ao rompimento das fibras, o que deixa o fruto mais macio, e à hidrólise do amido – a quebra dessa molécula resulta no sabor adocicado do alimento.

Enrolar o abacate em um saco de papel

O pesquisador confirma assim o velho truque da vovó, para acelerar o amadurecimento é preciso embalar o fruto em um jornal ou, na falta deste,  em um saco de papel. O princípio é o mesmo:

“Assim, o gás liberado com mais intensidade pela fruta madura fica concentrado no local e ajuda a amadurecer as verdes”.

Porém, esse processo pode levar alguns dias, depende do nível de maturação da fruta. Por isso, o ideal é todo dia verificar a consistência e a aparência para garantir que não vá passar do ponto.

Colocar o abacate junto com uma fruta madura

Outra forma de acelerar a maturação do abacate, também utilizando o princípio do gás etileno, onde o seu sabor e consistência são mantidos integralmente, porque é uma forma natural, é colocá-lo numa saco de papel, juntamente com outra fruta madura, como banana ou maçãs por exemplo.

Lembre-se que deve ser uma fruta também climatéria, ou seja, que termine seu processo de maturação depois de colhida, como caqui, banana, mamão, ameixa, nectarina, kiwi, pera, pêssego, maçã, abacate, melão e manga.

A ideia é unir o gás etileno produzido pela fruta madura e com isso aumentar o processo de amadurecimento do abacate que está imaturo.

Da mesma forma que o anterior, a fruta pode demorar alguns dias para amadurecer, dependendo do nível do processo de maturação que ela estava, porém, irá manter o sabor e sua consistência natural.

Papel alumínio e forno

Outra forma de acelerar o amadurecimento é aquecer o abacate. Mas cuidado, esse processo pode alterar o sabor e consistência. Na verdade, você irá “cozinhar” o fruto, ao invés de aguardar o processo natural do tempo.

Mas se você tem pressa e precisa utilizá-lo de qualquer maneira, essa é uma opção que pode ser tentada.

Enrole o abacate num papel alumínio com a parte fosca para fora. Coloque no forno a uma temperatura de 90ºC, por alguns minutos, você deverá verificar a consistência, ao primeiro sinal de amolecimento retire do forno e coloque na geladeira para interromper o processo.

Colocar o abacate na farinha

Segundo o Thrillist, a ideia de enterrar o abacate numa tigela com farinha funciona. Demora de 2 a 5 dias para amadurecer, dependendo do estágio do abacate. Isso porque, a farinha ajuda na concentração do gás etileno e ainda retira umidade do fruto que poderia deixá-lo com mofo ou manchas pretas. Também pode colocar o abate enfarinhado dentro de um saco de papel para obter o mesmo efeito. O abacate amadurecido com este método da farinha, fica mais cremoso e mais gostoso do que nos outros métodos.

Micro-ondas

Essa também é uma técnica para quem tem pressa. Sabemos que o fruto precisa de alguns dias para amadurecer naturalmente. Mas se você não pode esperar, tente colocar o abacate no micro-ondas, mas, cuidado, isso pode alterar completamente o sabor e textura do produto.

Com um garfo, faça vários furos por todos os lados do abacate e leve ao micro-ondas coberto com um guardanapo de pano ou uma tampa própria para utilizar no aparelho. Isso para evitar que em caso de alguma “explosão” da polpa, seu equipamento não fique todo sujo.

Programe 30 segundos e, se ainda assim não estiver macio o suficiente, coloque mais 30 segundos ou quanto tempo for necessário até amolecer o fruto.

Espere que esfrie um pouco e corte como de costume.

Com o calor do sol

Economize energia. Se tiver sol, amadureça o abacate com o mesmo método do forno ou do micro-ondas só que usando a luz solar. Coloque a fruta dentro de um saco de papel em uma janela ensolarada ou debaixo do sol. O segredo não está na luz solar mas na temperatura. É que simplesmente, frutas quentes amadurecem mais rápido.

Cortou e tá verde? Geladeira!

Cortou o abacate e ele está verde, impróprio para o consumo. Calma, você não precisa descartar o fruto.

Para evitar que ele escureça mas continue madurando, ele pode ser mantido embalado na geladeira.

A alternativa é unir as partes cortadas, embrulhar em plástico filme e levar à geladeira, aguardando seu amadurecimento regular.

É bom dizer que na geladeira seu processo de amadurecimento é retardado se comparado com a temperatura ambiente, porém é a única forma de evitar que fique totalmente escuro.

Pode ser adicionado, antes de levar à geladeira, o suco de um limão sobre as partes cortadas, que também podem evitar que o fruto escureça, mas o caroço já serve para esse propósito.

Vá testando a consistência e aparência da casca. Quando estiver mais amolecido, está pronto para o consumo.

Porque comer um abacate por dia

Abacate engorda“: esta talvez seja a falsa afirmação que mais leva às pessoas a evitarem de comer esta fruta. Como já dissemos, abacate não engorda porque essa fruta tem o poder de manter a fome longe, além de ser um alimento super saudável, cheio de benefícios à saúde.

Reduz o risco de doenças cardiovasculares

Um estudo conduzido publicado no Journal of the American Heart Association, mostrou que os abacates podem reduzir o risco de doença cardiovascular devido ao seu alto teor de gordura monoinsaturada (as chamadas gorduras boas).

A pesquisa comparou os efeitos dos diferentes tipos de dietas sobre o colesterol. A amostra de 45 pacientes (com idades entre 21 e 70 anos e que estavam com sobrepeso ou eram obesos) por duas semanas seguidas tiveram uma dieta normal no estilo norte-americano e, em seguida, nas subsequentes cinco semanas, os parcientes foram divididos em três grupos: o primeiro, seguiu uma dieta de baixo teor de gordura, enquanto o segundo e o terceiro grupos, consumiram gorduras de forma moderada. A diferença, no entanto, foi a de que em um destes dois últimos grupos, foi dado um abacate por dia.

O resultado surpreendeu os próprios pesquisadores: aqueles que tinham comido o abacate tinham conseguido uma redução do LDL (o colesterol ruim) em 13,5mg/dl; o outro grupo que seguiu uma dieta com a ingestão moderada de gordura, teve uma redução de 8,3 mg/dl no LDL, enquanto o primeiro grupo (que fez a dieta com baixo teor de gordura) reduziu o LDL em apenas 7,4 mg/dl.

Tudo então ficou muito claro: a ingestão de ácidos graxos monoinsaturados pode reduzir drasticamente o colesterol ruim.

Por isso, aconselha-se então a comer mais vezes abacate, até mesmo um por dia.

Ajuda a emagrecer

Um estudo feito pelo Center for Nutrition Research do Illinois Institute of Technology, publicado na revista científica Nutrients revelou que esta fruta mostrou-se capaz não apenas de manter a fome longe, mas também, graças à presença de boas fibras e gorduras, de reduzir os picos glicêmicos, com a vantagem de diminuir também o risco de diabetes. Por isso, o abacate ajudaria significativamente no controle do metabolismo.

Em vista disso, os pesquisadores acreditam que o abacate pode ajudar as pessoas com excesso de peso porque ele aumenta a sensação de saciedade após as refeições e, consequentemente, ajuda as pessoas a comerem menos.

Neste sentido, o abacate pode ser usado no lugar dos carboidratos refinados, considerados um dos piores inimigos da dieta. Lembrando que não devemos excluí-los completamente, mas limitar as porções de carboidratos refinados e substituí-las por outras integrais.

Por isso, recomenda-se comer abacate  mais frequentemente, escolhendo frutos de boa qualidade, de preferência orgânicos!

A safra desta fruta vai de fevereiro a maio. Então, aproveite ao máximo neste período mais quente do ano!

Talvez te interesse ler também:

Chá de Caroço de Abacate – Você Conhece?

A pele do caroço do abacate é cheia de substâncias preciosas, úteis contra tumores

Nhoque de Abacate: 3 receitas para experimentar uma delícia saudável

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

1 comentário em “Como amadurecer abacate rápido? 7 dicas e truques fáceis”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *