©George Rosema/Unsplash

O fim do plástico descartável, com essa seda vegana de aranha

O fim do plástico descartável, com essa seda vegana de aranha

Seda vegana de aranha? Como é que é isso? Pois é, a tecnologia em busca de resolver os problemas ambientais que nos afligem, cria coisas que até deus duvida. E o plástico é talvez o maior problema ambiental da Terra.

Estamos comendo, bebendo e respirando plástico. Em muitos países o plástico de uso descartável já está proibido mas a falta de fiscalização e de conscientização impede o desaparecimento desse material, muito embora soluções para sua substituição já existam.

E hoje vamos falar de mais uma delas.

Cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, descobriram que um material de origem vegetal e sustentável pode imitar as características da seda de aranha, um dos materiais mais resistentes da natureza.

O segredo da seda de aranha ser tão resistente está na estrutura regular e espaçada das ligações de hidrogênio que mantém coesas suas proteínas. Assim, os pesquisadores desenvolveram uma estrutura similar usando proteína vegetal.

O material resultante é resistente, pode ser produzido em escala industrial e promete substituir o plástico usado para fabricar vários produtos.

Fonte foto: Nature

A inovação conta também com alta eficiência energética, utiliza apenas ingredientes sustentáveis e pode ser compostável diretamente.

Segundo informou o Inovação Tecnológica, o material será comercializado pela própria universidade ainda este ano, para fazer embalagens descartáveis.

O estudo foi publicado na prestigiada Nature.

Talvez te interesse ler também:

Plástico descartável do delivery é o que mais polui os oceanos, revela pesquisa

Europa proíbe mas poluição por plástico já é quase irreversível, diz estudo

Perigo oculto: a contaminação química por plástico no ambiente

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *