Itália está prestes a aprovar o fim do esmagamento de pintinhos vivos

Itália está prestes a aprovar o fim do esmagamento de pintinhos vivos

Meu pintinho amarelinho cabe aqui na minha mão. Mas esses seres inocentes e lindos são cruelmente esmagados por não servirem aos lucros de uma indústria cruel a qual você provavelmente sustenta.

Ativistas e ONGs de Proteção Animal há anos vêm fazendo campanhas contra o esmagamento de pintinhos vivos.

Uma dessas entidades que tem focado bastante nessa mobilização é a Animal Equality (Igualdade Animal), cujos esforços estão surgindo a favor dos animais.

Os resultados destes esforços vêm se cristalizando ao passo que vários países da Europa estão instituindo leis que façam vigorar o fim deste método brutal.

A Itália é um desses países, e que está prestes a aprovar um projeto de lei que dá fim à prática industrial de esmagar pintos machos.

Este projeto foi aprovado em primeira instância pela Câmara dos Deputados, mas falta a aprovação final pelo Senado, ainda esse ano.

Quando for definitivamente aprovado, a Itália se tornará o 3º país da União Europeia a abolir essa prática.

Sim, este país será mais um da lista dos países europeus que implantarão o fim dessa prática abominável e cruel com os pintinhos. Os outros países são Alemanha e França.

Pena que na Itália o marco dessa proibição está previsto somente para o final de 2026. Se fosse antes, acabaria logo com o sofrimento e a matança de pintinhos.

Como a Itália evitará o massacre dos pintinhos?

A partir da aprovação definitiva e implantação dessa lei, será utilizada a técnica de “sexagem in ovo”, para evitar o massacre dos pintinhos machos vivos.

Essa tecnologia se vale de aparelhos espectrofotométricos ou outros equipamentos avançados capazes de identificar o sexo da ave antes mesmo da formação completa do embrião, a fim de descartar os ovos onde poderiam nascer pintos machos.

Uma das empresas que desenvolveu a tecnologia de sexagem in ovo é a SELEGGT.

Para quem não sabe como é e para que serve o massacre dos pintinhos, continue lendo.

Por que os pintinhos são esmagados?

Todos os anos são eliminados pela indústria de ovos milhões de pintinhos.

Para se ter uma ideia da dimensão desse extermínio, somente na Itália, são mortos de 25 a 40 milhões  de pintinhos machos por ano.

A razão dessa matança está no fato de os pintos machos serem considerados “improdutivos” pela industria dos ovos, ou seja, não são considerados lucrativos dado que machos não botam ovos, não têm uma carne fibrosa e, sobretudo, têm um crescimento lento em comparação com os frangos de corte, os quais são explorados pela indústria de frangos.

Em suma, na ótica da indústria de ovos, os pintinhos machos são considerados meramente resíduos industriais e não seres sencientes que sentem dor e sofrem, por isso, os matam, sem compaixão e humanidade.

Como se dá essa matança?

Para eliminar os pintinhos machos, a indústria de ovos adota toda uma metodologia sanguinária que consiste nas seguintes etapas:

  1. Uma dela é a chamada sexagem, através da qual os funcionários das linhas de produção examinam o sexo dos pintinhos machos que saíram dos ovos e separam os machos.
  2. Em seguida, os pintinhos são encaminhados ainda vivos para os trituradores de carne, por meio de corredores rolantes, que funcionam por meio de correias transportadoras e outros dispositivos
  3. Outra forma utilizada para exterminar os pintinhos machos é por meio de asfixia utilizando sacos ou dióxido de carbono.

Infelizmente, isso acontece em vários países do mundo, inclusive no Brasil. E para acabar com essa barbárie é preciso que mais nações tenham legislação que termine com essa prática insana.

Petição no Brasil contra o massacre dos pintinhos

No Brasil, a Animal Equality está promovendo uma petição direcionada à Assembleia Legislativa de São Paulo pedindo para que esta se posicione contra o massacre de pintinhos machos, aprovando o Projeto de Lei 1045/2015 que propõe a proibição da maceração de aves, e encoraja a introdução de tecnologias capazes de salvar milhões de animais desse sofrimento.

Para assinar essa petição, entre->AQUI

Este vídeo faz parte da campanha da Animal Equality-Brasil e mostra cenas da crueldade imputada aos pintinhos machos. Cenas como estas vêm ocorrendo em nosso país.

Este vídeo só pode ser visto no Youtube porque tem restrição de idade por conter CENAS FORTES DE CRUELDADE ANIMAL.

Nossas escolhas podem mudar essa realidade

Mesmo com novas tecnologias que evitem o massacre dos pintinhos machos, ainda existe abuso contra a natureza nessa prática e na exploração dos animais para consumo humano.

O ideal é que esse tipo de produção em série, explorando as vidas de outras espécies deixasse de existir

Nesse contexto, é importante que os consumidores reflitam sobre as suas escolhas alimentares, pois estas podem impulsionar o fim dessa realidade triste imposta aos animais.

A melhor forma de acabar com essa produção que transforma animais em mercadorias é optar por alimentos vegetais que não envolvam nenhum sofrimento aos animais.

Isto é possível, saiba como em:

Ovo cozido VEGANO existe! E foi criado por 4 estudantes universitárias

7 Incríveis Receitas de Bifes Veganos. Experimente!

Salsicha Vegetal é saudável e mais natural! Veja 6 saborosas receitas caseiras!

8 Receitas de Omeletes Veganos. Deliciosas 🙂

Hambúrguer vegano: as MELHORES RECEITAS estão AQUI

Queijo Vegetal Existe! Conheça Várias Opções Veganas para o Queijo

10 Receitas de Quibe de Forno Vegano

Salgadinhos tradicionais veganos: esfiha, quibe, coxinha, risoles e muito mais

Receita de bolo vegano de chocolate: fácil, barato e gostoso

Deliciosas Receitas de Pudins Veganos: sem ovo nem leite

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *