Elevado João Goulart será desativado para dar lugar ao Parque Minhocão

  • atualizado: 
Parque do Minhocão

Não é de hoje que o viaduto conhecido como Minhocão, é tema de discussões sobre a desativação do mesmo para atividades de lazer e esportivas. No entanto, no final de Fevereiro de 2019, a Prefeitura de São Paulo, finalmente confirmou que o Elevado João Goulart será transformado no Parque Municipal Minhocão.

O Elevado João Goulart está localizado na região central de São Paulo. Ele faz conexão entre as avenidas Radial Leste à Francisco Matarazzo e passa pelos bairros República, Consolação Santa Cecília e Barra Funda.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e SP Urbanismo, esse projeto será dividido em três etapas, sendo que, a primeira delas está prevista para ser entregue até dezembro de 2019.

Essa etapa compreende a instalação dos acessos e a implementação das estruturas de proteção nas laterais para garantir a segurança dos frequentadores.

A segunda etapa, será para a instalação do Parque em si e tem previsão para ser concluída em dezembro de 2020. Essa etapa será de implementação de 900 metros de parque entre as Praças Roosevelt e o Largo do Arouche.

De acordo com a Prefeitura de São Paulo, serão 17.500 metros quadrados com jardins, floreiras e deques dispostos em módulos pré-fabricados. Será utilizado o conceito urbanístico e referências do arquiteto Jamie Lerner.

Essa decisão se deu pelo fato do Minhocão estar localizado em uma região que compreende diversos pontos de cultura e lazer. Dentre eles estão as bibliotecas Mário de Andrade e Monteiro Lobato, o Estádio do Pacaembu, o Memorial da América Latina e a Santa Casa de Misericórdia.

A criação do parque virou lei no governo de Fernando Haddad, em março de 2016, mas a ideia da desativação do parque já estava inclusa no Plano Diretor, aprovado em 2014.

Em fevereiro de 2018, a Lei que cria o Parque Municipal do Minhocão foi finalmente promulgada pelo prefeito da época, João Doria, em meio a discussões sobre a demolição ou desativação para uso recreativo.

Discussão antiga

Quem é de São Paulo, sabe que esse assunto é bem antigo. Desde a década de 1970, o Minhocão passou a ser interditado a noite devido às reclamações dos moradores da região pela questão do barulho e da poluição.

Com o passar do tempo, essas interdições ganharam espaço para dias específicos, em que o Minhocão passou a ser utilizado para fins recreativos. O trânsito da região foi desviado para ruas locais, mas isso causou um certo transtorno na vida dos motoristas.

No entanto, o transtorno para quem passa pelo Minhocão dirigindo, não chega aos pés do que era sentido pelos moradores dos prédios que cercam o Minhocão. Eles com certeza irão se beneficiar cada vez mais com o Parque Minhocão.

Afinal, trocar um ambiente barulhento e poluído, por um ar um pouco mais puro e espaço de lazer de graça e sem precisar mudar de residência, não é para qualquer um! Estamos ansiosos para ver essa transformação!

Talvez te interesse ler também:

CHUVAS + BRASIL = TRAGÉDIAS. POR QUE TODO ANO A MESMA HISTÓRIA?

AS CIDADES MAIS CONGESTIONADAS (E POLUÍDAS) DO MUNDO

UNESCO DECLARA O RIO DE JANEIRO COMO CAPITAL MUNDIAL DA ARQUITETURA

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!