A Ação Salvadora dos Voluntários em Prol dos Animais em Brumadinho

  • atualizado: 
Animais Brumadinho

No último dia 25 de Fevereiro fez um mês que ocorreu a catástrofe ambiental de Brumadinho, porém, os efeitos dessa tragédia ainda permanecem. Contudo, graças ao trabalho voluntário e solidário de várias pessoas e entidades filantrópicas, a ajuda para os que foram afetados e sofreram as consequências desse desastre foi de vital importância.

Além dos seres humanos, muitos animais foram vítimas do transbordamento de lama tóxica em virtude do rompimento da barragem em Brumadinho.

Segundo dados da empresa Vale do Rio Doce, operadora da Barreira do Córrego do Feijão que se rompeu despejando um mar de lama com rejeitos tóxicos na região, 348 animais foram resgatados.

Uma das entidades que contribuiu para o salvamento desses animais foi a Fraternidade Federação Humanitária Internacional.

A Missão da Fraternidade - Federação Humanitária Internacional

Do total desses animais, quase 300 bovinos, equinos, cães, gatos, aves e répteis foram assistidos pelos psicólogos e veterinários, que são missionários voluntários da Fraternidade-Federação Humanitária Internacional (FFHI).

Estes missionários deram apoio psicológico às pessoas atingidas pelo desastre ambiental, além de resgataram animais.

Esta entidade, para efetuar essa missão, organizou-se para prestar essa ajuda humanitária em Brumadinho, com base na  experiência de outro desastre semelhante, o de Mariana, em 2015, onde também participou ajudando.

Sobre isso, o coordenador das missões humanitárias da FFHI, Ricardo Baumgartner, destaca:

“Nossa missão não é de ‘front’ (de linha de frente), mas ela agiliza os trabalhos de urgência, garantindo a organização, controle, validade e fluxo de estoques e materiais de primeiros-socorros. São ações de pouca visibilidade, mas fundamentais para que veterinários e voluntários cumpram bem seus objetivos.”

As ações da FFHI para dar assistência aos animais de Brumadinho

Os veterinários  trabalharam em um hospital montado pela Vale, com dois centros cirúrgicos, laboratório, equipamentos de ultrassom e raio-x, para atender animais de pequeno e grande porte.

Na organização das tarefas, a equipe da FFHI empregou técnicas utilizadas no Parque Francisco de Assis, em Lavras (MG), projeto vinculado à entidade e reconhecido pela eficiência nos cuidados com animais.

Rafael, voluntário da entidade, explica:

“Trouxemos de lá o método de organização para resgate e cuidados, em especial aos cães, assim como os sistemas de manutenção das áreas onde os animais são atendidos e alimentados.”

Juan, um outro voluntário, recorda que a missão em Brumadinho se baseou na mesma ocorrida em Mariana, só que em extensão bem maior. Veja o que ele disse a respeito disso:

“A organização que trazemos de experiências anteriores, certamente foi nossa melhor contribuição em meio ao caos, já que, em muitos momentos, vidas dependiam de nossa presteza e eficiência.
Os ‘cachorros-bombeiros’ que atuaram na busca também foram atendidos diariamente depois de árduas jornadas de trabalho.
Os animais recebiam banho e cuidados básicos da equipe da FFHI.
Outro aspecto que ajudou de forma sútil foi a nossa disciplina e calma, mesmo naquele contexto.
Nosso treinamento certamente contribuiu para quem atuava sob forte pressão emocional e de emergência.”

Depoimentos, em vídeos, dos Missionários e Voluntários da FFHL

Nos 3 vídeos a seguir, conheça alguns Integrantes da Juventude Missionária pela Paz de Belo Horizonte, que atuaram  em mutirão de atendimento e assistência aos animais, no hospital veterinário de campanha, em Brumadinho - MG e  saiba mais sobre as ações da FFHL na região.

Nota: Os missionários dessa Fraternidade, encerraram temporariamente as atividades em Brumadinho, após 27 dias de apoio na região, onde prestaram serviços dando assistência às equipes de resgate de fauna e atendimento psicológico para as famílias prejudicadas pelo rompimento da barragem.

Um pouco da História de Fraternidade - Federação Humanitária Internacional:

A FFHI foi fundada em 1990 e tem sede em Carmo da Cachoeira (MG). Esta entidade é uma rede global de caráter beneficente, filosófico, cultural, humanitário e ambiental, com mais de 60 mil voluntários espalhados pelo mundo, cujo trabalho é a difusão da paz e ações solidárias.

A FFHI desde 2011, ajuda em situações emergenciais como terremotos, inundações, incêndios, refugiados de guerras, fome e crises político-econômicas.

A Missão Brumadinho é 22ª mobilização humanitária da FFHI. 

As missões dessa entidade são apoiadas exclusivamente por doações e já deram assistência à 16 países da Ásia, África, América Central e América do Sul.

Brumadinho foi a quinta missão realizada.

Como apoiar as Missões Solidárias da FFHI

Para saber mais sobre a atuação da Fraternidade - Federação Humanitária Internacional em Brumadinho, acesse o seu SITE e saiba como colaborar com os trabalhos missionários desta instituição.

Uma forma de contribuirmos com as missões humanitárias é ajudando aqueles que ajudam os que precisam de assistência, seja com doações, ações voluntarias ou divulgando o trabalho missionário deles, para as pessoas tomarem conhecimento e saberem como podem apoiar e colaborar.

Nossa ajuda é importante, pois a união transforma a dor em amor!

Talvez te interesse ler também:

O SIMPÁTICO RESGATE DO FAT RAT, O RATO OBESO QUE FICOU PRESO NO BUEIRO (VÍDEO)

LAMA TÓXICA NAS TERRAS DOS ÍNDIOS PATAXÓS: UMA TRAGÉDIA DA QUAL NINGUÉM FALA

A HEROICA VIDA DE UM PROTETOR DE ANIMAIS: PROPÓSITOS, DESAFIOS, DORES E ALEGRIAS

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!