Mercúrio contamina etnia Nahua no Peru - Petição

Toda mineração de ouro em areia, legal ou não, carrega uma quantidade de mercúrio. O mercúrio faz parte da tecnologia para extração do ouro pois é com esse metal líquido que se separa o ouro da terra.

E o mercúrio cai nas águas, contamina os peixes, toda a cadeia alimentar, pois é persistente, e contamina também, é claro, o ser humano. E o ser humano morre.

E isso, sinteticamente, que também está acontecendo no Peru e que motivou a recente declaração de “estado de emergência” em 11 municípios da Amazônia peruana. A mineração de ouro, ilegal, não sofre nenhum controle, não recolhe seus resíduos, não descontamina suas águas.

O Brasil também sofre deste mesmo mal - CONTAMINAÇÃO DE MERCÚRIO EM TERRAS YANOMAMI É UMA TRISTE REALIDADE

O Peru que tem 13% do seu território na floresta amazônica, é o 6º maior produtor de ouro do mundo. Porém, o custo ambiental e humano desta riqueza é imensurável. São grandes empresas de mineração, transnacionais, que estão explorando os povos indígenas e que responsáveis pelo seu envenenamento sistemático e a destruição dos rios amazônicos, de acordo com Payal Sampat, diretor da empresa Acção

A produção ilegal de ouro aumentou em cinco vezes desde 2012 e emprega, pelo menos 100.000 pessoas, dos quais 40% vem da região de Madre de Dios , no sul do país. A Universidade de Stanford conduziu estudos que têm encontrados níveis elevados de mercúrio nas pessoas, nos peixes e nas vias navegáveis ​​do Peru. Milhares de pessoas estão envolvidas na mineração ilegal de ouro.

Nos rios do Peru são derramadas 40 toneladas de mercúrio por ano, destruindo mais de 100.000 hectares de floresta tropical na região de Madre de Dios. O mercúrio é prejudicial para o sistema nervoso, imunológico e digestivo, os pulmões, rins, pele e olhos. Cerca de 41% da população de Madre de Dios já está afetada seriamente, pelo menos 50.000 pessoas, segundo o governo peruano.

mercurio peru

Segundo a Survival International, até 80% da etnia Nahua que vive nesta área foram envenenadas por mercúrio e sofrem de problemas respiratórios agudos.

Finalmente, as autoridades decidiram intervir enviando equipes médicas para ajudar as pessoas mas não há qualquer ação para suprimir a mineração ilegal .

E o que podemos fazer?

Dada a situação, temos de aprender a ser mais conscientes dos custos humanos e ambientais de ouro e tentar identificar quem realiza a exploração ilegal dos povos indígenas e destroi o meio ambiente.
Você pode ajudar assinando esta petição da Survival International, aqui. 

Leia também:

A MINERAÇÃO E A DESTRUIÇÃO DO MEIO AMBIENTE

O RIO TAPAJÓS ESTÁ MORRENDO

A PERIGOSA VIDA DAS CRIANÇAS NAS MINAS DE OURO DA TANZ NIA

Foto Fonte: Survival International