Dia Mundial da Alimentação 2014: agricultura familiar para alimentar o planeta

Dia Mundial da Alimentação 2014

Alimentar o mundo e preservar o planeta com a agricultura familiar. Esse é o tema central do Dia Mundial da Alimentação 2014, que é comemorado todos os anos no dia 16 de outubro. A celebração é patrocinada pela FAO e tem como objetivo refletir sobre os persistentes problemas da fome e da segurança alimentar.

O tema foi escolhido para reforçar a importância da agricultura familiar e dos pequenos agricultores. O foco todo está no papel fundamental que a agricultura familiar pode desempenhar nos combates à fome e à pobreza, garantir as seguranças alimentar e nutricional e ainda melhorar as condições de vida e a gestão dos recursos naturais.

O importante é valorizar o desenvolvimento sustentável nas áreas rurais. 2014 é o Ano Internacional da Agricultura Familiar por decisão da ONU, que quis deixar claro o reconhecimento da contribuição deste tipo de agricultura.

O Dia Mundial da Alimentação foi realizado pela primeira vez em 16 de outubro de 1981. Em todos os países do mundo, a agricultura familiar é a forma predominante de agricultura no setor de produção de alimentos. Ela inclui todas as atividades relacionadas à família e está ligada às diferentes realidades do desenvolvimento rural.

Nos dia 25 e 26 de outubro, em Roma, Itália, realizar-se-á o Diálogo de Políticas de Agricultura Familiar. O Brasil, no começo deste mês, assinou um acordo com a FAO destinando US$ 150 mil ao Fundo Fiduciário Multilateral do Ano Internacional da Agricultura Familiar. “Para o Brasil, a agricultura familiar é um dos pilares do desenvolvimento agrícola. Essa contribuição permitirá aumentar ainda mais o nosso apoio a essa área”, disse Maria Laura da Rocha, Embaixadora do Brasil junto à FAO.

E o que podemos fazer pelo Dia Mundial da Alimentação? O sonho seria comermos o que plantamos, mas em todo o caso, vamos dar preferência ao alimento cultivado pelo agricultor e pelos pequenos produtores que vendem na feira do bairro, na quitanda, no mercadinho perto de casa. Isso pode fazer a diferença em primeiro lugar. Outra coisa que podemos fazer é evitar ao máximo o desperdício. E vamos juntos por um mundo sem fome!

Leia também: Deliciosas receitas para fazer com sobras de macarrão