Que tal substituir embalagens de plástico por folhas de bananeira?

  • atualizado: 
folha de bananeira

Um supermercado na Tailândia teve a brilhante ideia de substituir os plásticos das embalagens por folhas de bananeira nas sessões de hortifrúti. Essa notícia viralizou na internet e fez com que uma mercearia em São Paulo adotasse essa mesma atitude. Por conta disso, ela está fazendo o maior sucesso e inspirando outros comerciantes a adotarem essa prática também!

O site do CicloVivo colocou em seu Instagram um desafio para marcação de supermercados e mercearias que seguissem o exemplo, para incentivar a troca das embalagens de plástico por folhas de bananeira. O primeiro estabelecimento inspirado por esse desafio, foi a Casa Santa Luzia, uma mercearia portuguesa de São Paulo, fundada em 1926.

Os funcionários da Casa Santa Luzia chamaram a atenção da diretora do estabelecimento, Ana Maria Lopes, para esta ideia. Ela não só aderiu, como também tratou de verificar a viabilidade da implantação e a aceitação dos clientes. Ana Maria disse que a loja só recebeu elogios e que a aceitação do consumidor foi imediata, fazendo com que fosse possível manter o produto em linha.

Ideias como essa podem parecer insignificantes diante da quantidade de resíduos gerada diariamente no mundo, mas só de eliminar o plástico das embalagens de legumes e verduras, já faz uma diferença enorme.

O plástico que é utilizado para embalar alimentos, normalmente é utilizado apenas uma vez e costuma ser descartado no lixo comum, pois não tem como ser reciclado. Já a folha de bananeira, que é bastante utilizada na cultura indígena, além de resistente, impermeável e flexível, é também biodegradável, podendo ser descartada normalmente sem prejudicar o meio ambiente. Isso porque a decomposição da folha de bananeira é natural e muito mais rápida do que o plástico.

Outra questão a se considerar é com relação ao ganho que as empresas de embalagens tem com a produção de embalagens de plástico e deixariam de ter com a adoção dessa iniciativa. Apesar de ser um problema para essas empresas, fica evidente que a mudança de mentalidade vai muito além dos lucros das empresas que estão "ajudando" a degradar o meio ambiente.

Existe, portanto, a preocupação com o prejuízo nas vendas de embalagens. Em contrapartida, a diretora do estabelecimento, ao Ciclo Vivo, afirmou que houve um aumento nas vendas dos produtos embalados com folha de bananeira. Ou seja, os consumidores estão cada vez mais conscientes do seu papel em preservar o planeta e suas compras já estão baseadas em embalagens ecológicas, o que colocará em risco o tão almejado do lucro das empresas de embalagens de plástico, caso elas não mudem a mentalidade.

Vamos incentivar essa ideia? Eu já tratei de marcar o hortifrúti da minha região na postagem... Divulgue você também!

Talvez te interesse ler também:

CADA UM DE NÓS INGERE 50 MIL PARTÍCULAS DE PLÁSTICO POR ANO, E A CULPA É DAS GARRAFAS DE ÁGUA

ESTUDANTES CRIAM ECOBARREIRA PARA COLETAR LIXO E EVITAR POLUIÇÃO EM CANAL EM FRENTE À ESCOLA

UMA CATÁSTROFE EM DESDOBRAMENTO: O PLÁSTICO ESTÁ MATANDO PESSOAS A CADA 30 SEGUNDOS

Fonte e foto: Ciclo Vivo

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!