Como plantar e cuidar de uma roseira para ter sempre rosas lindas e perfumadas

  • atualizado: 
como cuidar rosa

As roseiras já são cultivadas há muitos séculos - desde 5 mil anos antes de Cristo que se têm informações do cultivo de rosas e, há muito mais tempo sabe-se que as rosas já acompanhavam o ser humano. Rosas são lindas, cheirosas, adoram sol e solos mais argilosos. Cuidar de rosas é tarefa diária e, você vai ver, que também faz bem à alma.

Cultivar roseira em vaso ou no jardim

Sabe aquela rosa que você ganhou de presente, ou aquela muda que resolveu comprar? Sim, das duas você poderá conseguir uma roseira permanente na sua casa.

Fazendo estacas das rosas

Toda rosa se reproduz por estacas, uma técnica de reprodução de plantas conhecida como estaquia na qual se usam os galhos que tenham gemas reprodutivas, resultantes da poda de inverno (mais abaixo explico isso da poda de inverno). Esta forma, vegetativa, é a melhor para se reproduzir roseiras pois você conseguirá uma outra planta idêntica à que deu origem à estaca.

estacas de roseira

Foto: Estacas de roseira

É facílimo fazer uma estaca de roseira (veja no vídeo abaixo) desde que você tome o cuidado de sempre deixar a gema principal (do encontro do galho podado com o galho mais grosso), faça um corte em diagonal, bisel, e ponha para enraizar o galho ainda fresco (sem que tenha secado, certo?).

E você poderá colocar as estacas da roseira, tanto na água, como na terra ou até em uma batata, para enraizarem. A batata vai fornecer a umidade necessária até que a estaca forme raízes suficientes mas, também fornecerá alimento de fácil acesso, para promover o crescimento da sua roseira. Enterre a batata com a estaca, dentro do vaso definitivo e, só não esqueça de manter a terra umedecida.

estaca na batata
Foto: Estaca na batata

Veja o video abaixo:

Semear rosas também é possível

Claro que você poderá plantar suas rosas a partir de sementes - para isso, compre sementes certificadas, que te garantam que tipo de rosa surgirá mais tarde, de cada planta. As sementes de rosas são pequenas e duras e, para germinarem, vão precisar de tomar um gelo prolongado (12 semanas, umedecidas, na geladeira, em saco fechado). Quando você vir que estão soltando o germe (brotinho verde) coloque cada semente já germinada no vaso com a terra preparada, cubra levemente o broto e mantenha a terra úmida. Em algumas semanas de cuidados você terá seu broto, bem verdinho e com pares de folhas e, saberá que a roseira nasceu

sement germinada
Foto: Semente germinada

broto de roseira
Foto: Broto de roseira

broto com folhas
Foto: Broto com folhas e primeiros espinhos

Terra boa para roseira

Prepare uma boa mistura de terra para plantar suas roseiras. As rosas gostam da terra mais para o argiloso - então, procure uma terra mais pesada, que acumule água mas que tenha, também, boa drenagem pois, não há roseira que goste de ficar num chão encharcado.

Adubação

A roseira não é exigente, quer dizer, ela não morrerá nem sofrerá demasiado, caso a terra não tenha uma grande quantidade de nutrientes. O ideal é você preparar uma terra argilosa, com um terço de areia misturada, para garantir o fluxo de ar, adubada com composto ou esterco bem curtidos e, em cada temporada ou mudança de estação, fazer um acrescento de farinha de osso e pó de café, em volta das plantas. Mas, saiba que o excesso de adubação poderá adoecer a sua roseira queimando-lhe as raízes.

Podas

É preciso cortar fora cada rosa que já envelheceu para que a planta solte novos brotos. Essa poda, assim como de folhas secas ou galhos mortos, deve ser feita sempre que houver necessidade.

Anualmente, no inverno, é necessário fazer uma poda drástica da roseira. Só assim ela brotará em pleno vigor, durante a primavera. Dessa poda você retirará galhos grossos, com bifurcação, e poderá fazer as estacas para novas mudas.

Água na rosa

Roseiras precisam de água e sol pleno. A água, para as roseiras, é absolutamente fundamental - a roseira gosta de terra úmida mas, detesta encharcamento ou água acumulada. É uma boa dica regar suas roseiras a sol pleno assim, a rosa receberá toda a água que precisa e a terra secará rapidamente.

Rosas trepadeiras

Rosas trepadeiras ficam lindas junto a uma parede - não se esqueça de amarrar os ramos, ou colocar tutores para que estes se enrolem. Também podem ser plantadas, suspensas, com os ramos caindo do vaso. Busque sempre um local onde o sol bata em cheio para colocar os vasos de rosas ou, se for necessário, vá mudando o vaso de lugar (é bom ter um suporte com rodinhas).

Especialmente indicado para você:

seta18 PLANTAS QUE VÃO TE AJUDAR A REPELIR OS INSETOS DA CASA E PRAGAS DO JARDIM

setaÓLEO DE ROSA MOSQUETA PARA RUGAS, CICATRIZES E ESTRIAS

setaROSA BRANCA: BENEFÍCIOS, COMO FAZER O CHÁ E PORQUÊ USAR