#PolarBearDay: é assim que o homem está fazendo com que o urso-polar desapareça da Terra

  • atualizado: 
PolarBearDay

Hoje, 27 de fevereiro, é o Polar Bear Day, o Dia Internacional do Urso-Polar. Criaturas fortes, capazes de suportar as temperaturas mais baixas dos polos, mas também muito frágeis, ameaçados pelas consequências das mudanças climáticas e do derretimento das geleiras. Uma espécie em extinção, que está pagando caro pela pesada pegada do Homo sapiens na Terra.

O urso-polar tornou-se símbolo da luta contra a mudança climática e dos impactos catastróficos em nosso planeta, começando pelo Pólo Norte.

Para os ursos do Ártico, a luta pela sobrevivência se opõe ao maior problema ambiental do nosso tempo, contra o qual esses animais não podem fazer muito, senão nada.

Nos últimos 30 anos, perdemos três quartos da cobertura de gelo polar e, durante anos, o centro de pesquisa National Snow and Ice Data Center dos EUA registrou um da extensão da camada de gelo do Ártico. Parece que não conseguimos escapar do desastre: o aquecimento global derrete as geleiras que ajudam a resfriar a temperatura da Terra, tornando nosso planeta cada vez mais quente.

Os ursos-polares, infelizmente, estão sofrendo os sérios efeitos desta catástrofe. Os hábitos alimentares deles mudaram. Por exemplo, pela primeira vez, eles foram forçados a comer golfinhos.

polarbearday 2

E o pior ainda está por vir. Cada vez mais frequentemente aparecem imagens que mostram ursos-polares desnutridos, forçados a procurar comida no lixo ou até a morrer de fome. Uma imagem triste é a da fotógrafa Kerstin Langenberger que, em uma ilha do arquipélago de Svalbard, no Oceano Ártico, fotografou um urso muito magríssimo, morto pela fome.

O URSO-POLAR DESNUTRIDO: AS TERRÍVEIS CONSEQUÊNCIA DO DERRETIMENTO DO GELO

Um estudo recente, realizado por cientistas da Universidade da Califórnia em Santa Cruz, em colaboração com o US Geological Survey, descobriu que os ursos-polares estão enfrentando uma luta crescente para encontrar comida suficiente para sobreviver enquanto as mudanças climáticas constantemente transformam seus habitats. Na verdade, sua extinção pode estar mais próxima do que pensamos.

polarbearday 3

Dois anos atrás, Jenny E. Ross, da Liga Internacional de Fotógrafos de Conservação (ILCP), nos mostrou o que acontece em Manitoba, Canadá, onde os ursos vão "caçar" nos aterros sanitários.

A TERRÍVEL FOTO DO URSO-POLAR OBRIGADO A BUSCAR COMIDA NO LIXO

polarbearday 4

Em novembro de 2016, o fotógrafo Lars Ostenfeld voltou a visitar a Baía de Hudson, no Canadá, há muito conhecida como a capital dos ursos-polares. Bem, não havia mais neve ali.

polarbearday 5

Como podemos salvar o urso-polar?

Nós também, no nosso pequeno caminho, podemos fazer algo para salvar os maravilhosos ursos-polares. Basta seguir algumas precauções simples que indiretamente reduzam a nossa "pegada" no planeta:

Podemos economizar energia em casa, usar o transporte público, deixar o carro em casa mais vezes, reduzir (ou eliminar) o consumo de carne, reduzir o consumo de bens, mas, acima de tudo, ensinar nossos filhos a viverem uma vida sustentável respeitando a Natureza!

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!