Açúcar Refinado: 10 razões cientificamente comprovadas para limitar o consumo

  • atualizado: 
açúcar refinado

No mundo contemporâneo, o açúcar refinado e os adoçantes artificiais são encontrados em muitos alimentos industrializados e confeitados. Apelos publicitários e propaganda induzem cada vez mais as pessoas a consumirem produtos açucarados ou adoçados, sem que se considere os malefícios que a ingestão dessa "doçura" toda e excessiva provocam à saúde. A própria ciência, através de pesquisas, tem comprovado os efeitos nocivos do açúcar branco e dos adoçantes artificiais.

Neste conteúdo serão apontadas 10 razões, cientificamente comprovadas, para se deixar de consumir ou pelo menos para diminuir o consumo do açúcar branco refinado e dos adoçantes artificiais.

Confiram:

1. O açúcar prejudica a memória

Um grupo de pesquisadores australianos da Universidade de South Wales Medical Science, em Sydney, investigou que consumir grandes quantidades de açúcar pode causar danos irreversíveis à  memória, em um curto espaço de tempo. Este estudo foi publicado na revista científica Brain Behavior and Immunity.

2. O açúcar é tão prejudicial como o cigarro, as drogas e o álcool

O açúcar é muito calórico, desregula a pressão arterial, desequilibra o metabolismo e gera problemas hepáticos. Todos estes danos são similares àqueles causados pelo fumo, pelas drogas e pelas bebidas alcoólicas. Especialistas da Universidade de São Francisco enfatizaram que os prejuízos causados pelo açúcar são idênticos aos do alcoolismo. O açúcar é uma das principais causas entre as 35 milhões de mortes por ano causadas por doenças como a diabetes e os problemas cardiovasculares.

3. O açúcar é um alimento que detona o coração

O açúcar é extremamente prejudicial ao coração, por isso consumir muitos doces e bebidas açucaradas, como refrigerantes e sucos artificiais, multiplica o risco fatal de desenvolver doença cardíaca. Esta afirmação foi feita por estudiosos norte-americanos dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças, em Atlanta. Na opinião destes especialistas, devemos eliminar o açúcar refinado de nossa alimentação, pelo mal  que faz à nossa saúde. 

4. O açúcar, assim como o sal, é inimigo da pressão arterial

Os especialistas constataram através de pesquisas a relação entre o consumo de alimentos que contêm açúcar e bebidas açucaradas ou adoçadas, como causa da pressão alta. Segundo eles, comparado ao sal, o açúcar é ainda mais prejudicial no que diz respeito à pressão alta, por isso, recomendam  que, neste caso, é mais indispensável cortar o açúcar do que o sal.

Para estes  pesquisadores  uma dieta mais saudável, precisa conter  alimentos naturais  como frutas, legumes e grãos integrais, o que contribui para a prevenção da hipertensão arterial, porque favorecem a eliminação do açúcar refinado de nossa alimentação.

5. Metilglioxal, o açúcar que danifica o colesterol bom

O metilglioxal, um açúcar presente, por exemplo, no mel de Manuka, mas que também pode ser formado em nosso corpo a partir da glicose, seria capaz de transformar o colesterol HDL (o colesterol bom) e torná-lo ineficaz contra o colesterol LDL (o ruim). De acordo com pesquisadores da Warwick Medical School, altos níveis de metilglioxal no sangue desestabilizam o colesterol HDL, fazendo com que ele perca suas características "protetoras" e, consequentemente, tornando o colesterol LDL ainda mais perigoso. 

acucar branco

6. O açúcar refinado diminui a expectativa a vida

A bióloga Cynthia Kenyon e sua equipe de pesquisadores da Universidade de San Francisco,  analisaram a  relação entre o consumo de açúcar e o tempo de vida. De acordo com cálculos e estudos desta análise, foi extraída a seguinte conclusão: o consumo do açúcar diminui em  20%, ou mais, a expectativa de vida, ou seja, uma pessoa que poderia viver até os 80 anos, diminui seu tempo de vida para 64 anos, podendo reduzir, até mais, conforme os seus hábitos alimentares e  estilo de vida. Para quem quer viver mais, eis um forte motivo para  eliminar ou diminuir o consumo de açúcar.

7. Os adoçantes artificiais são tão prejudiciais como o açúcar branco

Os adoçantes artificiais que são utilizados como substitutivos do açúcar refinado em dietas, também, prejudicam à saúde. E o que é pior, elevam o açúcar no sangue. A utilização de adoçantes artificiais como aspartame, sacarina e sucralose não é uma boa alternativa para evitar açúcar no sangue e problemas de excesso de peso. Para os  especialistas, os adoçantes artificiais prejudicam  o metabolismo, elevam a taxa de açúcar no sangue e contribuem para o desenvolvimento do quadro de pré-diabetes.

8. Os efeitos nocivos do adoçante Aspartame

O aspartame é  usado por aqueles que querem evitar o açúcar branco,  por razões de dieta ou saúde. De acordo com um estudo, mesmo em doses consideradas apropriadas, o aspartame  causa alterações neurocomportamentais, como por exemplo, alterando a capacidade de orientação espacial. Por isso, é melhor buscar alternativas mais naturais e saudáveis, no lugar da utilização do açúcar branco e dos adoçantes artificiais.

Veja tambémTIPOS DE AÇÚCAR - REFINADO, MASCAVO, DEMERARA E CRISTAL. BENEFÍCIOS E MALEFÍCIOS

9. O açúcar vicia

O consumo de açúcar pode criar dependência e se tornar um vício, como uma droga, além de acarretar efeitos negativos para o corpo, provocando:

  • cáries
  • ganho de peso
  • valores elevados de glicose no sangue
  • diabetes
 

Um estudo feito pelo Instituto de Pesquisa de Oregon e publicado no American Journal of Clinical Nutrition ressalta que o consumo excessivo de alimentos ricos em açúcar altera a produção química cerebral, perpetuando a necessidade deste produto, por isso pode-se afirmar que o açúcar é viciante, como uma droga.

10. Açúcar  provoca  obesidade e diabetes

Para os especialistas está mais do que confirmado o papel que o açúcar desempenha no aparecimento de doenças graves, como diabetes, obesidade e outras. Os médicos também chamam a atenção para o fato de que o açúcar faz tão mal quanto o cigarro e alertam que, tanto consumidores,  quanto  fabricantes, devem  diminuir  a quantidade de utilização do açúcar, em pelo menos  30%, para diminuir os impactos nefastos para a saúde, do consumo em excesso dessa substância. 

10.1. Conclusão

Como vimos  a lista de prejuízos e desvantagens causados pelo consumo de açúcar refinado e adoçantes artificiais é, além de extensa, bem nociva para o organismo. Pelo bem de nossa saúde, podemos parar  de comer açúcar, deixando de consumir doces, produtos industrializados, confeitados, sucos artificiais, refrigerantes e bebidas adoçadas, enfim, alimentos que contêm alto teor dessa substância.

Talvez te interesse ler também:

AÇÚCAR REFINADO CAUSA TUMORES E METÁSTASES: UM NOVO ESTUDO

COMO PARAR DE COMER AÇÚCAR: O GUIA DO NEW YORK TIMES

10.2. Lembrem-se

A doçura do açúcar, em demasia, pode representar a amargura da existência, pelos males que ele provoca ao organismo!

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!