Amianto: substância cancerígena, pode ser liberada novamente no Brasil!

  • atualizado: 
Amianto

O amianto, minério que prova câncer e está proibido em mais de 60 países, incluindo o Brasil, pode voltar a ser extraído, caso o "apelo" de alguns senadores que visitaram a Sama Minerações, seja atendido.

Segundo noticiou a rádio CBN, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, que inclusive é médico, apoiam a ideia de reverter o banimento do amianto no Brasil. Essa notícia foi veiculada publicamente em vídeo, pela TV Senado:

Isso ocorreu após uma visita feita por uma comissão de senadores à mineradora Sama Minerações, responsável pela extração de amianto crisotila, no município de Minaçu (GO), extremo norte de Goiás. Essa mineradora é a principal atividade econômica da região e foi desativada em Fevereiro deste ano, após a condenação da empresa Eternit, fabricante de telhas e caixas d'água, devido à constatação de problemas de saúde dos trabalhadores.

Os senadores em questão, disseram que vão se empenhar para que o STF reverta a proibição da extração de amianto, alegando que as pessoas estão perdendo emprego na cidade de Minaçu, com quase 40 mil habitantes.

O senador Chico Rodrigues (DEM-RR), declarou:

"Os trabalhos científicos aí mostrando que existe nenhum problema que causa câncer, que foi justificado para o parecer, então, nós temos a convicção que o Supremo Tribunal Federal vai rever a sua posição e vai entender que essa mina é fundamental para a população de Minaçu, para Goiás e para o Brasil".

Quais trabalhos científicos são esses? Será que o governador realmente concorda com um absurdo desses? O pior é que, Ronaldo Caiado, governador de Goiás, é formado em medicina e é um dos líderes desse movimento...

Ficou claro com essas notícias, que os senadores estão empenhados em conseguir essa reversão, com o apoio inclusive da população local que, por estarem em situação de desemprego, ignoram o principal motivo da proibição da extração de amianto: preservar a saúde da população. Será que eles têm ciência dos males que essa substância podem causar na vida deles?

Os perigos do amianto

A discussão sobre o uso do amianto no país ocorre há um bom tempo, inclusive com provas reais que comprovam problemas de saúde e até a morte de muitas pessoas, após serem diagnosticadas com mesotelioma, um tipo de câncer.

Quando inalado, o amianto estimula mutações celulares, desenvolvendo tumores e câncer no pulmão. A Asbestose, é uma doença causada pela deposição de fibras de amianto nos alvéolos pulmonares, reduzindo a capacidade de trocas gasosas, diminuindo a elasticidade pulmonar e dificultando a respiração. Essa doença não tem cura!

O documentário "Não respire - Contém Amianto", divulgado pelo Repórter Brasil em 2017, mostrou a realidade do que essa substância causa no organismo das pessoas, inclusive como eram as casas de pessoas que moravam em outras regiões, onde o amianto também era extraído.

O mais chocante é saber que as empresas interessadas nessa revogação da proibição de amianto, usam o poder financeiro para comprar comprovações científicas que provam o contrário. Não há como existir medidas de segurança efetivas para os trabalhadores, como essas empresas alegam, pois provas reais de pessoas doentes ou que já morreram de câncer, deixam evidente que qualquer nível de amianto na respiração, causa danos fatais.

Não podemos permitir que a nossa saúde seja colocada em risco por puro interesse financeiro, disfarçada de "solidariedade" com os trabalhadores dessas mineradoras. O interesse delas é o lucro e o interesse dos trabalhadores é o trabalho. Para resolver essa "equação", outra solução deve ser adotada e não colocar a vida das pessoas em risco em detrimento do interesse econômico!

Talvez te interesse ler também:

AMIANTO: CANCERÍGENO PRESENTE EM METADE DAS CASAS BRASILEIRAS

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!