Área entorno aos olhos sem protetor solar é chamariz para câncer de pele

  • atualizado: 
protetor solar ao redor dos olhos

Você costuma passar protetor solar ao redor dos olhos? Não? Então é melhor começar! De acordo com uma pesquisa feita pela Universidade de Liverpool, deixar de passar protetor solar ao redor dos olhos, especialmente nas pálpebras, aumenta o risco de câncer de pele nessa região.

Essa afirmação é facilmente explicada, pois a área ao redor dos olhos tem a pele mais fina e quando é exposta ao sol, sofre maior incidência dos raios, ocasionando mais risco de desenvolver um câncer de pele, dizem os cientistas.

Sabemos que passar protetor solar ao redor dos olhos é um pouco incômodo e pode causar irritação no globo ocular. No caso das mulheres que usam maquiagem, muitas preferem usar hidratante para não deixar a pele mais oleosa e interferir no resultado final.

Hidratante x Protetor Solar

No entanto, uma pesquisa analisou a diferença entre passar protetor solar ou apenas um hidratante com fator de proteção ao redor dos olhos e, apesar do hidratante proteger menos, é melhor usá-lo do que não passar nada. Porém os hidratantes com fator de proteção solar são menos eficazes do que os protetores solares, pois eles não foram projetados para protegerem a pele durante longos períodos de exposição ao sol.

A pesquisa, mencionada em uma matéria da BBC News Brasil, foi realizada pela Universidade de Liverpool, na Inglaterra com 84 pessoas (64 mulheres e 22 homens). Fotografaram o rosto dessas pessoas com uma câmera de raio ultravioleta, no intuito de observar quais delas usavam protetor no rosto ou não.

O resultado foi que 17% do rosto ficava desprotegido quando era utilizado o hidratante com filtro solar, sendo que com o protetor esse valor caia para 11%. Quase na mesma proporção, em relação à região dos olhos, 21% da proteção era mais fraca com hidratante do que com protetor solar com 14%.

Um dos autores desse estudo é o oftalmologista e cirurgião oculoplástico, Austin McCormick, o qual afirmou que a pele da região dos olhos (pálpebras, cílios e nariz) é uma das mais vulneráveis para desenvolver câncer de pele, pois é mais fina e desprotegida. Segundo ele, os casos de câncer de pele nessa região, chegam a 10% só no Reino Unido.

Por este motivo, recomenda-se uma melhor atenção a essa área do corpo, inclusive com relação à escolha do produto adequado, de acordo com a situação. No caso de hidratantes com filtro solar e o próprio protetor solar, as indicações são as seguintes:

  • Hidratante com proteção solar - Devem ser usados em saídas rápidas, com pouca exposição ao sol;
  • Protetor Solar - É necessário usar quando estiver planejando ficar mais de meia hora em exposição ao sol.
 

Por que as pessoas deixam de proteger a área dos olhos?

A resposta é simples: ou porque esquecem, ou porque o produto escorre com o calor e irrita os olhos ao entrar em contato com eles.

E o que fazer nesses casos?

A recomendação dos especialistas é usar chapéu e óculos escuros, bem como tentar aplicar protetor solar nessa região, mesmo que incomode um pouco.

Claro que não devemos exagerar na quantidade a ponto de causar uma irritação grave nos olhos, mas o que se conclui com essa notícia é que “alguma proteção é melhor do que nenhuma”.

Portanto, vale a pena investir um pouco mais na proteção da pele, do que sofrer as graves consequências do câncer depois.

Talvez te interesse ler também:

PROTETOR SOLAR: VEJA OS MELHORES E OS PIORES TESTADOS PELA PROTESTE

CÂNCER: O TESTE UNIVERSAL QUE INDIVIDUALIZA A PRESENÇA DE QUALQUER TIPO DE TUMOR

COMO AS NOZES REDUZEM O CÂNCER DE MAMA. NOVO ESTUDO CONFIRMA

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!