Pesquisadores desenvolvem vacina contra Alzheimer

Pesquisadores desenvolvem vacina contra Alzheimer

Um grupo de pesquisadores da Universidade do Novo México desenvolveu uma vacina capaz de intervir nas causas do Alzheimer e proteger o sistema neurológico.

O estudo foi publicado recentemente na Revista Nature, uma das publicações científicas mais respeitadas no mundo, e sugere, ainda, a possibilidade de se usar o próprio sistema imunológico do corpo para frear os efeitos da doença.

Em entrevista para a CBS News, o Professor Associado do Departamento de Saúde e Ciência da UNM, Kiran Bhaskar, que pesquisa a doença há décadas, contou que a ideia para o caminho da pesquisa que acaba de ser publicada teve sua origem em 2013.

Responsável principal pelo estudo, a doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências Biomédicas da UNM, Nicole Maphis, explicou que a vacina tem por característica atuar de forma específica em uma proteína patológica, chamada de pTau, encontrada comumente em pacientes com a doença. Ainda segundo a pesquisadora, a proteína é um dos componentes dos “emaranhados” que se formam no cérebro dos pacientes com Alzheimer.

Os pesquisadores começaram a testar a novidade em um grupo de camundongos com Alzheimer. Os que receberam a vacina apresentaram um desempenho superior em relação aos demais.

Apesar dos resultados animadores, os cientistas ainda têm um grande desafio pela frente: conseguir financiamento. Para que se realizem testes com pessoas, é necessário antes trabalhar em uma versão clínica da vacina. O custo do projeto pode chegar a bilhões de dólares e, por isso, a equipe agora busca parcerias.

Talvez te interesse ler também:

CÚRCUMA MELHORA O HUMOR E A MEMÓRIA, INCLUSIVE EM PACIENTES COM ALZHEIMER

DESCOBERTA CIENTÍFICA RECONHECE QUE ERVA-SANTA TEM PROPRIEDADES CURATIVAS PARA A DOENÇA DE ALZHEIMER

EMMA YANG, 14 ANOS, CRIA UM APP PARA MELHORAR A VIDA DE PESSOAS COM ALZHEIMER

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *