Oxiúros: sintomas e remédios naturais para adultos e crianças

  • atualizado: 
Oxiúros

Eles são quase invisíveis, mas podem fazer um estrago grande à saúde. Os oxiúros, popularmente conhecidos como vermes, provocam uma série de desconfortos, como perda de peso e coceira, e podem causar danos mais graves, se não tratados corretamente.

Felizmente, existem muitas medidas, principalmente de higiene, que deixam esses micro-organismos bem longe da gente. Conheça abaixo o que é oxiúro, como reconhecer os sintomas da oxiurose e como evitar essa contaminação.

O que são oxiúros?

Os oxiúros são um tipo de verme que parasita mamíferos, principalmente primatas, como o homem. Esses bichos vão parar no intestino grosso e reto quando há contato com os ovos que eles depositam. Quando dentro do organismo, os oxiúros podem viver entre 7 e 8 semanas.

Em 2 semanas, os ovos se tornam adultos e começam a se reproduzir. Ao ar livre podem sobreviver por até 3 semanas.

Todas as pessoas correm risco de se contaminar com oxiúros, mas as crianças pequenas e em idade escolar são as mais suscetíveis, principalmente por não terem ainda hábitos de higiene bem consolidados.

Embora não costume gerar danos graves, em alguns casos, tais vermes podem causar doenças como vaginite endometrite e até apendicite.

Causas e sintomas de oxiurose

A contaminação por oxiúros, a oxiurose, ocorre quando há contato com o ovo do verme. Isso pode acontecer por ingestão de comidas e bebidas contaminadas e também mão à mão. Ou seja, pessoas já contaminadas tocam alguma superfície ou compartilham roupas, toalhas e talheres, e passam a doença.

A oxiurose pode ser pega sexualmente também e pelo ar, caso os ovos se dispersem por algum motivo, como ao sacudir uma toalha contaminada.

A doença pode ser assintomática, mas geralmente apresenta alguns sinais, como:

  • Coceira ao redor do ânus e vagina, em decorrência da inflamação causada pelo verme;
  • Dor no abdômen inferior (principalmente quando a enfermidade já está grave);
  • Perda de peso;
  • Dor ao urinar;
  • Náuseas e vômitos;
  • Constipação ou diarreia;
  • Fadiga e irritação;
  • Bruxismo (ranger de dentes);
  • Insônia (em decorrência da coceira);
  • Urticária;
  • Enurese.

Como detectar o problema

O principal indício de infecção por oxiúros é a coceira forte na região anal. Caso a pessoa desconfie da contaminação, deve ir ao especialista para ele solicitar um exame de fezes, que detectará a presença dos vermes no intestino.

Como evitar oxiúros

A principal maneira de evitar a contaminação por oxiúros é manter bons hábitos de higiene.

Para manter esses vermes longe é importante sempre:

  • Lavar as mãos constantemente;
  • Evitar roer as unhas, cortá-las e lixá-las pelo menos 1 vez por semana;
  • Trocar a roupa de cama regularmente;
  • Trocar toalhas e roupas, no geral, todos os dias, durante o tratamento;
  • Evitar coçar a região anal;
  • Tomar banho todos os dias;
  • Mudar a roupa íntima diariamente;
  • Cozinhar bem as carnes;
  • Deixar os vegetais de molho por 5 minutos em uma mistura de água e bicarbonato de sódio;
  • Descontaminar também as superfícies da casa;

Remédios naturais para adultos e crianças

Embora se encontrem muitas receitas da vovó na internet, o mais importante quando há contaminação, é procurar um especialista para que ele oriente sobre o melhor tratamento. Principalmente quando a contaminação é em crianças.

Geralmente os médicos receitam remédios específicos, que contam com índices altos de cura e poucos efeitos colaterais. Quando há um caso na família, todos os outros que moram no mesmo lugar devem ser tratados paralelamente. O tratamento dura, geralmente, duas semanas.

Alguns dos remédios naturais mais populares e indicados são:

  1. Consumir probióticos porque eles reforçam a imunidade do corpo estimulando as bactérias benéficas presentes em nosso intestino, criando um ambiente nocivo aos oxiúros. São vários os alimentos denominados probióticos (o iogurte, o kefir, o chucrute, entre outros). Leia aqui: Probióticos – para que servem? quais alimentos contêm mais? Mas, dependendo da recomendação médica é possível tomar suplementos probióticos. No caso das crianças, iogurtes são bem-vindos e tolerados.
  2. Beber vinagre de maçã com água. É uma receita da vovó que dizia que esse ingrediente ácido faria com que o nosso sistema digestivo se tornasse inóspito aos oxiúros. A receita é misturar 2 ou 3 colheres de vinagre de maçã com água, e beber essa mistura todos os dias. Mas as crianças não conseguiram tomar.
  3. Remedinho à base de alho. Visto que o alho é reconhecidamente um poderoso vermífugo, antifúngico, inseticida, antibactericida e antibiótico, que tal um chá de alho para dar fim aos oxiúros? Um médico pode recomendar suplemento de alho (cápsulas) para eliminar oxiúros. Use suplementos somente mediante recomendação médica pois o alho também tem contraindicações de uso.
  4. Alimentação. Mude alguns hábitos de alimentação, evitando o consumo de itens como amido e açúcar, pois, dizem, que os oxiúros adoram tais ingredientes. Tirar o doce da criança não será fácil mas com certeza lhe fará bem!
siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!