ressaca
ressaca

Ano-Novo, sem ressaca, confiram as dicas!

Começar o ano novo de ressaca, vamos combinar, é começar mal! Para evitar de iniciar o ano passando mal, confiram as dicas e orientações que vão te ajudar a comemorar, sem depois se lamentar por causa da ressaca!

Hidratação e Alimentação

Uma boa hidratação e uma boa alimentação promovem o bom metabolismo em nosso organismo. O consumo frequente de bebidas alcoólicas pode acarretar distúrbios para os órgãos de nosso corpo, principalmente, no pâncreas, no fígado, no coração e no estômago.

Para mantermos nossa saúde em dia, o ideal é evitar o consumo frequente ou excessivo de álcool. O consumo de bebidas alcóolicas aumentam no final do ano, devido às festas e comemorações, e, por isso, as pessoas acabam bebendo demais e, até, passando mal, com ressaca e outros distúrbios.

Para evitar que isso aconteça, é importante investir em boa alimentação e hidratação, antes das confraternizações e celebrações da passagem do ano.

Sobre estes aspectos, a nutricionista Fernanda Maluhy deu algumas recomendações para evitar a ressaca à RevistaNews:

Quanto à alimentação, ela recomenda alimentos ricos em carboidratos, mas com baixos índices glicêmicos, no caso: frutas, verduras e legumes.

Estes alimentos ajudam a equilibrar a quantidade de açúcar no sangue e auxiliam na metabolização do álcool, tanto antes, como depois do consumo de bebidas alcoólicas.

Quanto à hidratação, a ingestão de líquidos antes, durante e depois dos brindes da passagem de ano, contribuirão para manter o organismo hidratado. Dessa forma, o organismo metabolizará melhor as bebidas servidas, nas tradicionais confraternizações, de passagem para o novo ano.

No dia seguinte aos festejos é aconselhável o consumo de líquidos, seja na forma de água ou suco de frutas, para manter o corpo hidratado e repôr os sais minerais.

A hidratação do corpo é de vital importância, por isso, é necessário beber pelo menos 2 litros de água, por dia.

Detox

Uma outra dica para o dia seguinte, após a confraternização de final de ano, é consumir alimentos DETOX como: frutas ricas em sais minerais e vitaminas; verduras verde escuras, como a couve e o espinafre.

Esse alimentos detox estimularão o bom funcionamento do intestino, contribuindo para o equilíbrio e desintoxicação do organismo.

Controle, Moderação e Equilíbrio

E o mais importante é alertar que todos estes cuidados perderão a eficácia, se a pessoa beber descontroladamente, abusando do álcool.

O excesso de bebida alcoólica intoxica o organismo, principalmente o fígado, gerando como respostas mal-estar e ressaca.

A longo prazo, o consumo frequente e exagerado de álcool pode acarretar doenças como: pancreatite, hepatite, gastrite, excesso de colesterol, pressão alta, problemas cardíacos, diabetes, cirrose, entre outras.

Carvão vegetal trata e previne ressaca

O carvão vegetal ativado é um medicamento natural, muito eficaz para desintoxicar nosso organismo. Este remédio é encontrado na farmácia, na forma de cápsulas, comprimidos, tabletes ou em pó.

Este produto natural deriva da queima de determinados tipos de madeira, por meio do controle de temperatura e de oxigênio.

Para quem abusou de bebidas alcoólicas, e ficou com ressaca, tomar carvão vegetal diminui o mal-estar e desintoxica o organismo da ação do excesso de álcool.

O carvão vegetal, tanto antes, como depois, de beber, diminui a metabolização do álcool pelo nosso organismo, fazendo a absorção dele e neutralizando os seus efeitos.

Efeitos colaterais

Mas o carvão vegetal pode causar alguns efeitos colaterais, dependendo do organismo da pessoa. Alguns deles são:

Vômitos

Fezes negras

Prisão de ventre

Diarreia

Desidratação

Ocorrendo alguns dessas reações, é recomendável beber bastante água, para diminuir estes efeitos.

O carvão absorve, não só as toxidades, como também, as substâncias provenientes dos líquidos e alimentos que ingerimos. Dessa forma, deve-se fazer uso desse medicamento natural, 2 horas antes ou depois, da ingestão de líquidos, alimentos ou outros medicamentos, que não sejam contraindicados o uso, concomitante, com o carvão vegetal.

Quem faz uso de outro medicamento, é recomendável consultar um médico, para avaliar a interação medicamentosa e se existe contraindicação.

Mesmo que a pessoa tenha o aval do médico para utilizar o carvão vegetal, fazendo uso de outra medicação, é importante recordar do espaço de tempo, entre um e outro.

Reforçando

Ingerir o carvão vegetal, duas horas antes ou depois, do horário da outra medicação, pois, o carvão vegetal tira o efeito do remédio.

Contraindicações do carvão vegetal ativado

Este produto é contraindicado em pessoas com úlceras e problemas gastrointestinais graves.

Como utilizar o carvão vegetal

Para cada copo de água (250 ml) deve se utilizar 1 colher (chá) de carvão vegetal.

Pode-se tomar de dois à quatro copos por dia.

Antes de fazer uso do carvão vegetal, é recomendável consultar um especialista em saúde, para que ele prescreva, de acordo com o caso e a necessidade, a forma de administração deste medicamento.

Sintomas da Ressaca

Avalie bem o que é uma ressaca, antes de fazer uso abusivo de bebida alcoólica. Todo mundo que tem ressaca diz que nunca mais vai beber. Melhor seria lembrar disso, antes de exagerar nas doses:

Os sintomas da ressaca são:

dor de cabeça;

enjoo;

tontura;

fraqueza

e muita sede e mal-estar.

As Causas da ressaca

O organismo despende glicose para a metabolização do álcool.

Glicose é açúcar e açúcar é energia, por isso, a sensação de fraqueza.

Resultado: o corpo fica enfraquecido e sem energia.

Efeitos do álcool

O excesso de álcool afeta o sistema nervoso central, desencadeando sono e irritação.

Altera a química do cérebro, provocando dor de cabeça.

Irrita as mucosas do estômago e intestino, desencadeando náuseas, vômito e diarreia.

Desativa a ação do hormônio antidiurético de nosso organismo, produzindo sede e boca seca.

O que agrava o efeito do álcool

Se a pessoa não se alimenta direito e, ainda por cima consome bebidas alcoólica, em excesso ou com frequência, a situação fica ainda pior, pois, uma pessoa bem nutrida, tem mais resistência contra a ação e os efeitos do álcool.

Em pessoas que não se alimentam direito, o álcool é absorvido mais rápido na corrente sanguínea, chegando mais depressa ao cérebro, provocando muito desconforto e mal-estar.

Vamos brindar no Ano-Novo, sem nos maltratar

Vale salientar que, hoje em dia, no mercado de bebidas, existem champanhes, vinhos, licores e cervejas que não contêm álcool e são uma alternativa bem saudável e equilibrada para comemorar o Ano-Novo, pois, mesmo se exceder nos drinks e nos tin-tins, não há perigo de se embriagar, e depois ficar de ressaca.

Seja como for, o importante é respeitar o corpo, pois, quando o maltratamos, ele reage como autodefesa, nos maltratando, para que paremos de fazer mal à ele.

Comecemos o ano com alegria e não com ressaca!

Um Ano Novo com muita sobriedade para todos!

Sobre Deise Aur

Avatar
Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.

Veja Também

Novo lockdown na França: mortes por Covid-19 voltam a crescer

Está previsto para começar um novo lockdown na França, a partir desta quinta-feira. Os casos …