Crônica de mortes anunciadas: Brasil bate recorde

A cada dia, o número de mortes no Brasil em decorrência do novo coronavírus aumenta.

Nessa terça-feira (12), esse número atingiu um patamar recorde: 12.400 casos, sendo que, nas últimas 24 horas, 9.258 novos casos foram registrados e 881 mortes foram confirmadas pelo último boletim epidemiológico emitido pelo Ministério da Saúde. A taxa de letalidade da doença está em 7%, informa a BBC.

O estado de São Paulo continua a liderar o número de casos e óbitos (47.719 casos e 3.949 mortos), seguido de Rio de Janeiro (18.486 casos e 1.928 mortos) e Ceará (18.412 casos e 1.280 mortos).

A escalada de vítimas de Covid-19 no Brasil, infelizmente, parece estar longe de ter um fim. Embora a maioria dos governadores dos estados brasileiros estejam empenhados em garantir a oferta dos serviços de saúde, através de medidas para assegurar o distanciamento social e até de lockdown, o governo federal continua negando a gravidade da epidemia no Brasil. O ministro da Saúde, Nelson Teich, vem mostrando um despreparo desesperador para lidar com a doença.

À população, resta cumprir as recomendações de lavar as mãos com sabão; usar álcool em gel; desinfetar alimentos, celular, maçanetas; manter o distanciamento social e usar máscara ao sair de casa, se for inevitável.

Talvez te interesse ler também:

Vídeo mostra como vírus se espalha rapidamente em um buffet: 30 minutos depois, todos infectados

Inumeráveis: o memorial às vítimas do coronavírus porque histórias não são números

Mapear a presença e acompanhar a disseminação do novo coronavírus através da rede de esgoto

É doutora em Estudos de Linguagem, já foi professora de português e espanhol, adora ler e escrever, interessa-se pela temática ambiental e, por isso, escreve para o GreenMe desde 2015.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook