OMS alerta que a gonorreia e outras DSTs estão se tornando intratáveis

  • atualizado: 
DSTs

Por causa da crescente resistência aos antibióticos, algumas doenças sexualmente transmissíveis estão se tornando intratáveis: clamídia, sífilis e gonorreia, doenças causadas por bactérias, antes eram facilmente tratadas com antibióticos que agora não fazem mais efeito. É o que alerta a OMS.

Destas doenças, a gonorreia é a mais resistente aos medicamentos. Foram detectados cepas de N. gonorrhoeae multirresistentes, que já não mais respondem a nenhum dos antibióticos existentes. Para a clamídia e a sífilis, a resistência é menos frequente mas existe, motivo pelo qual a Organização alerta para a prevenção e o tratamento precoce destas doenças como linha essencial de contenção do problema.

Tais doenças, se não tratadas a tempo, podem causar graves consequências para a saúde seja da mulher que do homem. Nas mulheres doença inflamatória pélvica, gravidez ectópica e aborto, além de infertilidade que também pode acometer os homens infectados por sífilis e clamídia.

O pedido da OMS é de que os governos sigam suas novas instruções de tratamento baseadas em novas pesquisas científicas e que monitorem a resistência das cepas. Tais doenças são difusas no mundo inteiro, causam graves problemas e podem levar à morte.

Antibiótico é um medicamento muito sério que não deve absoltutamente ser automedicado. Veja aqui na íntegra a recomendação da OMS (em espanhol) e leia abaixo mais sobre a resistência bacteriana aos antibióticos.

Leia mais sobre antibióticos e superbactérias:

GONORREIA - SINTOMAS E TRATAMENTO DE GONORREIA

SUPERBACTÉRIAS PODEM MATAR MAIS QUE O TERRORISMO

OMS ALERTA: USO ABUSIVO DE ANTIBIÓTICOS AMEAÇA A SAÚDE

SÍFILIS CRESCE EXPONENCIALMENTE EM SÃO PAULO

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!