Vacinação contra a gripe é antecipada em 5 estados e no DF

vacina

Hoje (18), começa em cinco estados (Espírito Santo, Bahia, Goiás, Pará e Pernambuco) e no Distrito Federal a vacinação antecipada contra a gripe.

 Entretanto, é preciso estar atento, pois nem todos os perfis dos grupos prioritários serão atendidos nesta etapa da vacinação. Os centros de saúde funcionam das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Oficialmente, a Campanha de Vacinação contra a Gripe começa no dia 30 deste mês, em todo o Brasil.

Cada estado vai atender a um público específico, até o dia 30. No Espírito Santo, por exemplo, a Secretaria de Saúde orientou que apenas gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto e trabalhadores da saúde sejam vacinados neste primeiro momento. Esses segmentos representam 13,55% do total de pessoas a receberem a vacina contra a gripe em todo o estado.

Já na Bahia, todos os grupos prioritários (idosos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, trabalhadores da saúde, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, indígenas, pessoas com doenças crônicas, população carcerária, funcionários do sistema prisional e adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas) serão vacinados.

No estado de Goiás, 167 municípios começaram a vacinação para todos os grupos de risco. A campanha foi iniciada em 79 municípios no dia 12.

A Secretaria de Saúde do Pará informou que distribuiu para 81 dos 144 municípios do estado as doses de vacina que recebeu. A orientação é que os postos atendam todos os grupos de risco. As demais doses da vacina devem ser entregues ao estado até o dia 22 de abril.

Em Pernambuco, apenas os profissionais de saúde serão imunizados. Mas, a partir do dia 25, os outros grupos prioritários já poderão receber a vacina.

No Distrito Federal, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto e trabalhadores da saúde da rede pública e privada receberão a vacina esta semana. A expectativa é de que 295 mil pessoas sejam imunizadas.

O Ministério da Saúde alerta que a vacina da gripe é contraindicada para pessoas alérgicas a ovo ou a qualquer outro componente da fórmula e, ainda, para quem teve reação anafilática na dose anterior. Nos casos de febre moderada ou aguda, recomenda-se adiar a vacinação até o seu término.

Leia também:

seta CURAS E REMÉDIOS NATURAIS PARA GRIPES E RESFRIADOS

seta CASOS DE H1N1 COMEÇAM A SER REGISTRADOS MAIS CEDO ESTE ANO

seta CONHEÇA OS SINTOMAS DA DENGUE, ZIKA, CHIKUNGUNYA E GRIPE