Autismo: pesquisa mostra os riscos da combinação entre obesidade e diabetes em gestantes

gravidez e obesidade

A revista científica Pediatrics publicou um estudo sobre o risco de mulheres que sofrem de obesidade e diabetes durante a gestação terem um filho com autismo ou alguma outra doença relacionada ao desenvolvimento.

A base de dados foram os registros de 2.734 crianças que fizeram pós-natal no Centro Médico de Boston, nos EUA, entre os anos 1998 e 2014. Os bebês foram dividos em seis grupos, considerando o peso e o nível de diabetes da mãe.

A conclusão dos pesquisadores é que tanto a obesidade quanto o diabetes — de todos os tipos — estavam associados a um maior risco de autismo e outras síndromes similares.

O risco maior se apresentou quando ambas as condições são combinadas, aumentando em dobro o risco de o bebê vir a sofrer de alguma síndrome de desenvolvimento.

“Nossa pesquisa mostra que o risco de autismo começa no útero”, afirmou a coautora do estudo Daniele Fallin, chefe do Departamento de Saúde Mental da Escola Bloomberg e diretora do Centro Wendy Klag para Autismo e Deficiências de Desenvolvimento.

Leia também:

VACINAS E AUTISMO: NOVO ESTUDO NEGA O LINK

SAIBA TUDO SOBRE GRAVIDEZ EM IDADE AVANÇADA

10 SUPER ALIMENTOS PARA A GRAVIDEZ

Fonte foto: abril