Crianças: como se tornar um adulto saudável?

Crianças: como se tornar um adulto saudável

“Toda criança quer ser um adulto” diz a música do Palavra Cantada. Um adulto saudável e feliz, obviamente. E quanto a isso, nem as crianças escapam: elas também precisam seguir estilos de vida saudáveis para se tornarem adultos fortes e resistentes.

É o que diz uma pesquisa iniciada há 15 anos.

Adeus, portanto, aos maus hábitos: deixemos um pouco a televisão desligada, estimulemos as crianças a praticarem esportes e a comer coisas boas. Assim elas crescerão homens com boa saúde!

A pesquisa, que leva o nome de "Early Bird", foi iniciada em 2000 (vai durar até 2017) e tem como amostra um grupo de 300 crianças que tinham então, idades entre 4 e 5 anos. Os "pequenos” participantes serão "estudados" até as suas entradas na vida adulta.

É um estudo único neste gênero, dadas a sua grandeza e a sua duração, e até agora o resultado já demonstra que a saúde na idade adulta é influenciada pelo estilo de vida adquirido durante a infância

Para o levantamento realizado pelos pesquisadores da Plymouth University Penisula Schools of Medicine, os especialistas analisaram a relação entre os estilos de vida de crianças e seu metabolismo durante as fases de crescimento, a fim de identificar os "biomarcadores relevantes para a nutrição infantil”. Desta forma, se "explorou a biologia do crescimento das crianças", especialmente para determinadas doenças tais como a diabetes e a obesidade.

O objetivo é, além de insistir na necessidade de se adquirir um estilo de vida saudável desde a tenra idade, também o de chamar a atenção para todos os fatores que têm um impacto sobre a nossa saúde na infância, na idade adulta e na velhice.

O que fazer então para que nossos filhos trilhem o caminho para a boa saúde na idade adulta? Partindo com um bom café da manhã, variando os pratos, sair a pé, explorar, fazer esportes e muito movimento.

E depois, claro, um pouco de ócio também faz bem. Mas que tal nessas horas de preguiça, em vez da TV, ler um bom livro comendo uma maçã crocante?

Sabemos que é muito fácil falar na teoria e que a prática é criança fazendo manha jogando o "prato saudável" no chão. Mas lembre-se que é sempre melhor previnir do que remediar. E em matéria de saúde infantil essa máxima não tem exceção. Então vale a pena fazer esse esforço para que as crianças cresçam e se tornem adultos saudáveis e felizes.

Leia também: Criança que “trabalha” não dá trabalho. O fantástico método de Maria Montessori