Tudo sobre a Astrologia Chinesa: história, fundamentos e tradição

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Estamos habituados à astrologia dos ciclos solares, que é mais conhecida no Ocidente. Porém, cada vez mais, a tradição astrológica chinesa tem se tornado conhecida no mundo ocidental.

Neste conteúdo serão abordados aspectos e características que fundamentam a interpretação do mapa astral segundo a Astrologia Chinesa.

Astrologia Chinesa e sua tradição mística

Segundo a tradição mística chinesa, Buda, ao realizar uma festa com banquete, convidou vários animais e os que compareceram foram homenageados por ele, que os tornou símbolos do Zodíaco Chinês e, dessa forma, estes animais passaram a proteger os nascidos no ano regido por cada um deles.

Como é a Astrologia Chinesa

A Astrologia Chinesa é um dos conhecimentos ancestrais mais antigos do mundo, que existe há mais de 4 mil anos.

Essa ciência mística leva em conta, além dos animais do Zodíaco Chinês, os elementos da Natureza e que são: Madeira, Fogo, Água, Metal e Terra.

Assim como na Astrologia Ocidental, o mapa astrológico chinês é composto por signo e ascendente, a diferença é que os signos mudam à cada ano, conforme o ciclo lunar anual.

O cálculo do mapa astrológico chinês tem como base o Ano Lunar, de 12 meses e 29 dias.

Cada um dos 12 animais que fazem parte da Astrologia Chinesa rege um Ano Lunar, e o ciclo de cada um deles volta a se repetir a cada doze anos lunares.

O tempo astrológico chinês é constituído por ciclos de 60 anos, ou seja, cada animal (signo chinês) aparece cinco vezes em cada ciclo.

Cada signo do Zodíaco Chinês simboliza as forças do Universo que podem favorecer ou trazer desafios à cada ser.

Zodíaco da Astrologia Chinesa

foto

O zodíaco da Astrologia Chinesa é formado por 12 signos representados pelos seguintes animais:

Rato
Boi
Tigre
Coelho
Dragão
Serpente
Cavalo
Carneiro
Macaco
Galo
Cão
Porco

*Para saber mais sobre os pilares e as tabelas da Astrologia Chinesa, clique AQUI.

Finalidade da Astrologia Chinesa

Através da análise e interpretação do mapa astrológico chinês pode-se avaliar a relação do indivíduo com o cosmos indicando caminhos e possibilidades que contribuam para o seu desenvolvimento individual, e harmonia com o fluxo da vida.

Para saber seu signo, elemento e ascendente, de acordo com a Astrologia Chinesa, clique AQUI

Agora que conhece os fundamentos da Astrologia Chinesa, tire proveito desse conhecimento milenar para seu autoconhecimento e desenvolvimento pessoal.

Talvez te interesse ler também:

2020 é o Ano do Rato: versatilidade, capacidade de adaptação e resistência. Aproveite!

Sol, o astro regente de 2020: siga com coragem, siga com o coração!

O relógio biológico na Medicina Tradicional Chinesa

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
Professora, alfabetizadora, formada em História pela Universidade Santa Cecília, tem o blog A Vida nos fala e escreve para GreenMe desde 2017.
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook