Conheça a Cidade do Cabo: Capital Global da Hora do Planeta

Capital Global da Hora do Planeta

A ONG WWF organizou o concurso Desafio das Cidades, no qual 160 municípios ao redor do mundo – incluindo Belo Horizonte, a vencedora no Brasil – disputaram um campeonato “do bem”, no qual venceria, por votação popular, a cidade mais sustentável, para seus habitantes. Tudo isso em função da Hora do Planeta, realizada no último dia 29 deste ano. A vencedora do título Capital Global foi a Cidade do Cabo, localizada na província de Cabo Ocidental, na África do Sul.

A cidade venceu o prêmio por duas vertentes rumo à sustentabilidade: investimento em energias renováveis e grandes projetos de reequipamento de usinas geradoras de energia. Nesta cidade localizam-se tanto o Parlamento Nacional quanto outros edifícios oficiais do governo, sendo, por isso, considerada a capital legislativa do país. Além disso, a Cidade do Cabo é a segunda, em população, da África do Sul, perdendo apenas para Johanesburgo, a capital.

Há uma série de passeios incríveis para se fazer nesta cidade, que o que tem de pequena, tem de bela e exótica. Portanto, ao visitá-la, esteja com sua câmera, para levar a recordação de cada detalhe de suas incríveis paisagens.

Para começar, temos a Montanha da Mesa, que leva este nome porque forma um paredão natural, que se assemelha a uma grande mesa e pode ser avistada de qualquer ponto da cidade. Inclusive, você pode tomar o teleférico para visitá-la mais de perto; ou fazer a subida a pé ou de rapel, como preferir. Do lado oposto, um mar imenso, de águas claras e muitas praias belíssimas.

Quem gosta de uma atmosfera cosmopolita e animada tem o seu pouso certo na Long Street, a principal rua da Cidade do Cabo. Se de dia há muito comércio e pessoas transitando, à noite muitas opções de lazer se fazem presentes – boates, bares e restaurantes diversos.

A vinícola Warwick pode ser uma ótima alternativa para os apaixonados pela bebida. Lá são produzidos os “5 Grandes”, ou seja, para os locais, cada vinho pode ser comparado a um dos grandes animais existentes na savana – leão (Cabernet Sauvignon), leopardo (Merlot), elefante (Cabernet Franc), búfalo (Pinot Noir e Hermitage juntos, que resulta em Pinotage) e rinoceronte (Sauvignon Blanc), daí o nome popular. Um guia turístico fará o acompanhamento do passeio, apresentando histórias e curiosidades sobre a região.

Acha que acabou? Não, há muito mais: o hotel Hohenort, com seu luxo e suntuosidade; os jardins do The Cellars; o vinhedo Delaire, com opções ótimas de almoço; visitar Robben Island, onde Mandela ficou preso por mais de uma década; o bairro Woodstock, cheio de vitalidade, entre outros.

Faça as malas e vá conhecer esse paraíso que atende pelo nome de Cidade do Cabo; lá beleza e sustentabilidade andam juntas!

Fonte foto montanha: hdwpapers.com

Fonte foto praia: Stock.Xchng

Fonte foto Long Street: capetown.travel