Chulé: veja aqui 5 remédios caseiros

Pé com chulé

Todo mundo concorda que chulé é uma coisa que ninguém merece. Seja para quem tem ou para quem sente, o chulé é desagradável, inconveniente e também muito constrangedor. Embora muita gente chegue a se desesperar achando que essa é uma situação insolúvel, o pé com chulé pode ser facilmente tratado (e liberto do chulé) com métodos e remédios caseiros.

O que causa o chulé

O chulé é basicamente causado por bactérias e fungos que se proliferam pelos pés. Renovação celular da pele ou mesmo suor excessivo são situações que colaboram para a proliferação das bactérias, pois se alimentarão das camadas mortas de pele, tendo ambiente ideal de reprodução graças ao suor.

Ainda que o chulé seja mais recorrente em pés cuja condição de asseio não esteja adequada, ele também pode ser resultado de estresse ou resposta à alimentação.

Mas, manter os pés livres dos odores do chulé não é tão difícil assim, veja aqui 5 remédios caseiros para eliminar o chulé dos pés:

1. Pés hidratados contra o chulé

Passe um creme hidrante nos pés todos os dias antes de se deitar. Isso evitará com que a pele dos pés fique seca, eliminando os resquícios de pele morta que alimentarão as bactérias. Basta massagear um creme hidratante da sua escolha diariamente ao se deitar para dormir.

2. Chá preto para chulé

O chá preto é um desodorizante e também adstringente natural, pois é rico em ácido tânico. Mergulhar os pés em chá preto fará com que os pés mantenham menos suor que causam odor devido às bactérias. Para se utilizar deste remédio caseiro, ferva dois pacotinhos de chá preto em 2 xícaras de água, em seguida, despeje a mistura em uma bacia com água morna e mergulhe os pés por 20 minutos. Repita este procedimento diariamente.

3. Pés bem enxugados para prevenir chulé

Não enxugar bem os pés após tomar banho é um dos principais combustíveis das bactérias. Para que elas não consigam se proliferar, é importante que os pés estejam bem secos. Portanto, após tomar banho ou após imergir os pés no chá preto, enxugue-os muito bem, deixando-os completamente secos. Se necessário, após enxugar com a toalha, utilize um pedaço de papel higiênico para secar entre os dedos.

4. Use meias

Meias são acessórios indispensáveis quando se usa tênis ou sapato. Elas tratarão de absorver o suor dos pés fechados, evitando que as bactérias se proliferem. É importante que as meias estejam sempre limpas, ou seja, usar ao menos um par de meias diferentes por dia. É uma questão de asseio e de saúde. Prefira sempre meias de algodão.

5. Remédio caseiro para pé com chulé, talco natural

É possível preparar um remédio caseiro que será utilizado como talco natural nos pés para libertá-los dos odores do chulé. Para tal, basta misturar duas partes iguais de amido de milho e bicarbonato de sódio. É possível também adicionar óleos e fragrâncias naturais para dar um “quê” a mais. Veja como é fácil fazer:

Ingredientes

• 2 colheres de sopa de bicarbonato de sódio
• 2 colheres de sopa de amido de milho
• 2 gotas de óleo essencial (como de gerânio, por exemplo)
• (opcional) 1 colher de sopa de pétalas de calêndula seca moída

Forma de preparo

Misture todos os ingredientes em um frasco e aplique sobre os pés massageando gentilmente. Recomenda-se utilizar este talco antes de colocar as meias para calçar o tênis ou sapatos.

Recomendações gerais sobre chulé

Muitos inconvenientes do pé podem ser evitados quando os pés estão limpos. Por isso, é sempre importante lavar bem os pés e até esfregá-los com esponja se necessário. Seque bem os pés após lavá-los e utilize sempre meias limpas. Além disso, as unhas também devem estar sempre aparadas adequadamente a fim de evitar acúmulo de sujeira debaixo delas.

No mais, busque orientação de um médico ou profissional de saúde quando se sentir preocupado a respeito das condições dos pés ou da saúde em geral.

Especialmente indicado para você:

setaREFLEXOLOGIA - MASSAGEM MARAVILHOSA DA PLANTA DOS PÉS

setaLIBERE SEUS PÉS E NÃO ENTRE COM SUJEIRA DA RUA PARA DENTRO DE CASA

setaMICOSE NAS UNHAS: POR QUE OCORRE E QUAIS REMÉDIOS NATURAIS USAR