Indaiatuba aprova lei que cria Banco de Ração para ONGs, protetores e famílias carentes cuidarem de seus pets

Indaiatuba aprova lei que cria Banco de Ração para ONGs, protetores e famílias carentes cuidarem de seus pets

O prefeito de Indaiatuba instituiu uma lei que cria o Banco de Ração para os Animais. Essa lei foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Vereadores no dia 18 e sancionada no dia 20 de maio. Com essa medida, entidades da causa animal, protetores e famílias em situação de vulnerabilidade com seus respectivos animais, terão condições de alimentá-los e cuidar melhor deles.

Como funcionará essa medida

Para poder ajudar os animais e seus cuidadores, o Banco de Ração receberá doações de:

  • pessoas físicas ou jurídicas
  • órgãos públicos
  • estabelecimentos comerciais e industriais
  • provenientes de condenações judiciais ou apreensões.

A distribuição e as doações serão feitas mediante deliberação do Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (COMPDA), órgão que propôs essa lei.

O Centro de Reabilitação Animal (CRA) será responsável por coordenar e distribuir as doações feitas àqueles que necessitem de rações para seus animais.

O anúncio do prefeito de Indaiatuba

Veja neste vídeo o prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar, anunciando em seu canal essa boa notícia em prol do bem-estar animal em seu município!

Quem será beneficiado por essa lei

Serão contemplados pelos benefícios dessa lei:

  • Organizações da sociedade civil sem fins lucrativos, devidamente cadastradas no município
  • Protetores independentes cadastrados no COMPDA
  • Pessoas comprovadamente portadoras de transtornos de acumulação de animais
  • Famílias em condições de vulnerabilidade social que possuam animais de estimação

Que essa ação se multiplique

Diante da crise desencadeada pela pandemia do coronavírus, com recessão e desemprego, os protetores, as ONGs e as famílias estão precisando demais de assistência para poderem cuidar de seus animais. Por isso, a ação de Indaiatuba é um verdadeiro ato de cidadania e promoção de dignidade ao próximo, seja humano que animal.

Que ações solidárias como esta se espalhem pelo Brasil afora!

Talvez te interesse ler também:

Cães de rua são alimentados por comedouros e bebedouros gratuitos em Fátima do Sul

Para abrigar os cachorros do frio, a casinha de garrafa-pet. Aprenda a fazer

Cãodomínio: porque todos têm direito a um abrigo

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *