Como ajudar um animal, se não puder adotar

Como ajudar um animal, se não puder adotar

Tem pessoas que, embora amem animais, não podem adotar devido ao contexto de vida, por trabalharem o dia inteiro, morarem sozinhas, precisarem viajar muito a serviço da profissão, entre tantos outros motivos.

A adoção responsável de um animal requer que o adotante reúna as condições necessárias para não incorrer no risco de maus-tratos e abandono.

Adotar e manter um animal de estimação demanda espaço, tempo, atenção, cuidados, despesas com higiene, alimentação e atendimento veterinário.

Adoção é um ato de amor, por isso deve ser feito com a consciência de que está se responsabilizando por uma vida até o final de seu ciclo de existência. Com essa percepção, aquele que entender que não pode adotar um animal, deve saber porém que existem outras formas de demonstrar amor e dar cuidados a ele.

Saiba como ajudar um animal sem precisar adotá-lo:

Se não pode adotar, como ajudar?

Infelizmente, existe muito descaso, abandono e maus-tratos de animais, resultantes da inconsciência, ignorância, falta de recursos, desrespeito e/ou crueldade das pessoas para com eles. Por isso, quando não é possível adotar, é possível ajudar de outras formas, contribuindo para diminuir a dor e o sofrimento deles, apoiando quem vive para salvar estes seres.

Por exemplo…

  • Ajude os Protetores de Animais – para isso, pesquise na Internet e irá encontrar vários representantes sérios e conhecidos no ramo da Proteção Animal, que resgatam animais e encaminham para a adoção responsável.
  • Faça palestras e campanhas de conscientização de adoção responsável.
  • Arrecade e/ou doe rações e medicamentos para Abrigos, Ongs e Protetores de Animais.
  • Confeccione e distribua panfletos e livretos explicativos de combate ao abandono e adoção responsável.
  • Promova ou apoie feira de adoção dos animais resgatados das ruas pelas entidades de Proteção.
  • Seja um voluntário para ajudar nos cuidados aos animais que se encontram em Abrigos e Ongs de Animais, pois há muito o que fazer como: alimentação, banhos, limpezas de ouvidos, corte das unhas, tosa de pelos, administração de medicamentos para os que estão doentes, passeios, limpeza e manutenção do local.
  • Apadrinhe um animal que se encontra nesses locais, doando ração, produtos de higiene, medicamentos que sejam necessários e ajudando a custear procedimentos cirúrgicos, como a castração, por exemplo.
  • Leve um animal para passear, isto é possível em várias Ongs e Abrigos.
  • Ajude financeiramente Entidades de Proteção Animal, existem Ongs em que isto pode ser feito no próprio site.
  • Socorra animais em perigo nas ruas e encaminhe para um lugar seguro, que pode ser uma lar temporário.
  • Divulgue nas redes sociais as Campanhas, Feiras de Adoção e Pedidos de Ajuda para Resgate de Animais de Rua.
  • Realize conscientização escrevendo conteúdos na Internet sobre a importância da adoção de animais e do combate ao abandono deles.
  • Ajude os Protetores de Animais Independentes, pois muitos passam dificuldades, por arcarem sozinhos com as despesas e o trabalho de resgatar e tratar dos animais.
  • Colabore com eventos beneficentes organizados por Protetores e Entidades de Proteção Animal, para arrecadar fundos para as despesas e cuidados com os animais.
  • Custeie e/ou consiga um lar temporário para um animal resgatado, pois, muitos abrigos e Ongs estão lotados.
  • Use seu talento para arrecadar fundos para Protetores e Entidades de Defesa Animal, como exemplo, se você é artista, faça um show beneficente e reverta parte ou todo o lucro para ajudar os animais.
  • Ajude os Representantes da Proteção Animal, organizando, vendendo e comprando rifas, bingos, mercadorias em bazares visando angariar recursos financeiros, para as despesas com os animais resgatados.
  • Auxilie sendo ou custeando transporte solidário para resgate dos animais socorridos pelos Protetores.
  • Promova na sociedade, a valorização e o reconhecimento do Protetor de Animais e do Trabalho das Ongs de Defesa Animal.
  • Reivindique dos representantes políticos e órgãos governamentais medidas, leis e ações de bem-estar, Defesa Animal e apoio ao Serviço prestado por Protetores e Entidades de Proteção Animal.
  • Confeccione casinhas ou outros abrigos pra animais de rua se protegerem de chuva e frio.

Ajude se não tiver como adotar!

Como visto, existem muitas formas de ajudar os animais abandonados e colaborar com a Causa Animal.

Quanto mais pessoas cooperarem com a Defesa Animal, menos animais de rua teremos e mais adoções responsáveis faremos, com eles vivendo em lares de forma digna.

Apoie essa causa, os Animais merecem todo o nosso Respeito!

Talvez te interesse ler também:

MAGGIE, A CADELA QUE RECOLHE AS GARRAFAS-PET DE UM PARQUE DE LONDRES

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR DE AVIÃO COM SEU PET

11 COISAS QUE OS HUMANOS FAZEM E OS CACHORROS ODEIAM

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *