Cães para diabéticos: o olfato canino pode salvar vidas

caes-para-diabeticos

Os cães têm um olfato incrível, eles podem farejar a diabetes e também são capazes de dar apoio aos diabéticos, podendo até mesmo salvar suas vidas.

Os cães para diabéticos são treinados para reconhecer o cheiro da hipoglicemia e de intervir para ajudar a pessoa doente, que normalmente é o seu próprio dono, com o qual o cão vive lado a lado. Um paciente diabético pode enfrentar, sem perceber, um baixo nível de açúcar no sangue durante o sono e um cão treinado é capaz de reconhecer a situação e intervir, por exemplo, acordando seu dono.

Normalmente, os cães domésticos não treinados sabem reconhecer situações perigosas, mas imagine que o melhor amigo do homem poderia aprender a intervir em momentos críticos para um sofredor de diabetes, salvando sua vida.

Entre os sintomas da diabetes em fase inicial, encontramos a sede frequente, o aumento da frequência urinária, a desidratação, visão turva, fadiga, irritabilidade e fome excessiva. Os suspeitos de sofrerem de diabetes devem consultar um médico que irá prescrever as investigações necessárias para detectar ou não problema.

Leia também: setaDIABETES: 10 SINTOMAS INICIAIS BASTANTE COMUNS

Cães para diabéticos podem aprender a encontrar o kit médico necessário para o seu dono poder atuar em caso de baixa de açúcar no sangue, ou em outras circunstâncias.

Como se sabe, entre o cachorro e o seu dono cria-se uma relação de afeto mútuo que torna ainda mais fácil a tarefa canina como socorrista.

Os cães também podem ser treinados para cuidar de crianças com diabetes, aprendendo a relatar o problema diretamente para os adultos da casa para que eles possam perceber a situação e tomar as medidas necessárias. Foi o que aconteceu no Reino Unido alguns dias atrás, onde um labrador muito inteligente foi capaz de ajudar uma menina, Sadie, com síndrome de Down e que sofre de diabetes tipo 1. O labrador percebeu que a criança ia ter uma hipoglicemia alguns minutos antes de o problema ocorrer e começou a chamar a atenção dos adultos presentes, que entenderam a situação e intervieram. O cão lhe salvou a vida:

caes-para-diabetes-1

caes-para-diabetes-2

caes-para-diabetes-3

Existem estudos que atestam a capacidade canina de intervir para ajudar as pessoas com diabetes. Nos EUA e no Reino Unido existem treinamentos para fazer com que os cães possam ajudar os pacientes.

O melhor amigo do homem sempre nos surpreende pela sua capacidade de correr desinteressadamente em nosso auxílio, sempre que precisamos. Os cães podem salvar nossas vidas e reconhecer nossos problemas de saúde antes mesmo que nós mesmos saibamos deles.

Para saber mais informações sobre cães para diabéticos, visite o site Dogs for Diabetics.

Leia também:

seta

FRANKIE, O CÃO QUE FAREJA TUMORES (E NÃO ERRA)

seta

CÃES QUE FAREJAM CÂNCER: LIBERADO O TESTE NA GRÃ-BRETANHA

seta

CONHEÇA LUCY, A GATA QUE DETECTOU CÂNCER DE MAMA EM SUA DONA

Fonte e fotos: metro.co.uk