Hyperbody, a microcasa que com um botão modifica os ambientes

microcasa botão modifica ambientes

Cidades mais ocupadas = menos espaço para se viver, uma realidade cada vez mais difusa. Quanto maior for a cidade, menor é o tamanho dos apartamentos. E se já existem tantas soluções para o aproveitamento total do espaço, agora a necessidade seria modificar o ambiente conforme a necessidade. Bastaria pressionar um botão para transformar a sala em um quarto ou em um banheiro. 

Esse é o novo projeto que tem como objetivo facilitar a vida em um espaço muito pequeno. O projeto Hyperbody, concebido por um grupo de estudantes da Universidade de Tecnologia de Delft, na Holanda, foi em parte inspirado por um fato muito simples: uma pessoa que vive sozinha em um apartamento pode ocupar apenas um espaço de cada vez. Se estamos na cozinha, não podemos estar no banheiro, e se estamos no quarto, a sala estará vazia. Então, para que serve ter cômodos separados? 

Condensando tudo em uma área, os designers descobriram que poderiam fornecer cerca de 100 mts de espaço em um apartamento, pela metade do seu tamanho. Uma espécie de estrutura modular que se reorganiza, pressionando um botão.

UAU! Como? As paredes são flexíveis e se deslizam ao longo dos sulcos criados no chão, movidos por um motor. As paredes também podem ser movidas manualmente para dar vida a uma outra sala. Além disso, flexionando-as se transformam em móveis, mesas e cadeiras. Cada parede é feita de polipropileno, um material suficientemente flexível para curvar sem sofrer danos, mas também suficientemente forte para suportar uma pessoa sentada ou deitada sobre ele.

"Tal como acontece com um canivete suíço, de onde se tira apenas a forma desejada, enquanto as outras permanecem nas paredes existentes. Portanto, é possível uma alta variedade de configurações espaciais, criando apenas espaços que são necessários em um determinado momento", explica a equipe do Hyperbody. "Os quartos não são necessários durante o dia e podem ser transformados em um espaço de trabalho ou em uma grande sala de estar. Um apartamento pop-up lhe permite viver em um espaço em constante mudança, em tempo real, adaptado aos desejos do usuário."

Os designers criaram seja um modelo digital quanto um protótipo em escala real do apartamento, depois de quatro meses de pesquisa. Muito interessante! 

Fonte fotos: Hyperbody