Conheça Vauban, um bairro sustentável em Friburgo, na Alemanha

Vauban, o bairro sustentável em Friburgo, Alemanha

Desde a década de 1970 que a cidade de Friburgo, na Alemanha, é conhecida por suas iniciativas ecológicas. Fazem parte das políticas públicas de Friburgo os cuidados com a energia solar, a mobilidade, a reciclagem e qualquer ação humana que possibilite aumentar a sustentabilidade e bem viver de seus habitantes.

Em Friburgo há um bairro especial, Vauban, que foi construído de forma planejada, para ser sustentável. Este processo começou em 1993, após a compra da área pela cidade de Friburgo. Os primeiros moradores começaram a ocupar o bairro em 2000. Em 2014 ainda estavam sendo construídas as últimas casas.

A participação popular nas decisões deste bairro é um diferencial. Outro diferencial é que as casas residenciais se equiparam a micro usinas de energia elétrica. E produzem tanta energia que subsidiam o excedente à rede pública. Ou seja, não pagam conta e ainda vendem.

O bairro tem uma população de 5 mil habitantes e, dentro do bairro não há vias para automóveis exceto algumas principais. O trem que liga este bairro a Friburgo corre sobre trilhos ladeados de gramados.

Projetos arquitetônicos bioclimatizados

A começar pelos projetos arquitetônicos, as casas são concebidas para aproveitar, ao máximo, o sol, tanto como fonte de energia como fonte de iluminação natural, estas casas consomem 10% da energia de uma casa convencional. As janelas são grandes, privilegiando a máxima insolação e são isoladas com 3 lâminas de vidro, para impedir a entrada do frio no inverno. Todas as edificações possuem isolamento térmico nas paredes, teto e piso. Com essas medidas foi conseguiu-se a otimização na manutenção de uma temperatura agradável dentro de casa, reduzindo-se o uso de ar condicionado e ventiladores, no verão, e da calefação interna, no inverno.

Telhados que captam luz solar e água de chuva

Por outro lado, cada telhado é adaptado à captação de água de chuva,que é usada na irrigação de jardins e banheiros, nas descargas dos vasos sanitários. Sobre os telhados vêm-se placas solares, responsáveis pela captação de energia solar que aquece a água e também é transformada em energia elétrica. Parte dos telhados são vegetados.

Uso de transporte público e bicicletas

Em Vauban só 30% dos residentes têm carro próprio.

Reciclagem dos resíduos gerados

No bairro existem áreas de coleta de material reciclável, que é descartado separadamente. Com esta ação, 65 % dos resíduos gerados pela população são reciclados.

Esgotos e águas cinzas

Neste bairro todo o esgoto é coletado por um sistema de tubulação a vácuo e encaminhados para uma unidade de produção de biogás. Nesta, os esgotos e o lixo orgânico doméstico é fermentado por via anaeróbia gerando biogás que é usado nas cozinhas.

As águas cinzas, das pias, chuveiros e máquinas de lavar é tratada, em uma usina, com biofiltros e retorna, limpa, aos rios.

O bairro dos sonhos...

E para finalizar um vídeo sobre este fantástico bairro sustentável:

Leia também:

setaMEDELLÍN, COLÔMBIA: A VOLTA POR CIMA DA CIDADE DE PABLO ESCOBAR

setaEM BELO HORIZONTE, POR LEI, TODOS OS PRÉDIOS DEVERÃO REAPROVEITAR ÁGUA

Fonte e fotos: vauban.de/en