Na Suíça chegam os caminhões movidos a hidrogênio

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin

Um basta ao petróleo: a Hyundai irá testar seus caminhões movidos a hidrogênio nas estradas suíças, em colaboração com a start-up H2 Energy. Uma frota de 1000 caminhões será vendida para o estado suíço, dando vida ao primeiro conjunto de veículos comerciais do mundo, movidos a combustíveis que não a gasolina e o diesel. A maioria dos mil veículos começará a circular até o final de 2019.

Veículos pesados ​​são um problema ambiental sério. A maioria deles é de fato movida a diesel, um combustível ainda mais poluente que a gasolina. Além disso, a alternativa elétrica parece ser economicamente insustentável, sem mencionar que a energia elétrica necessária para abastecer um caminhão pode não ser produzida a partir de fontes renováveis, anulando os benefícios ambientais.

Portanto, o hidrogênio! Este combustível não produz dióxido de carbono, nem outros poluentes: a reação química, na verdade, que ocorre nas células de combustível, produz apenas vapor de água.

A escolha da Suíça como o lugar dos testes se deve, ademais, à razões econômicas: a nação introduziu impostos bastante altos sobre veículos pesados, o que deve favorecer a transição para uma mobilidade mais sustentável.

“Estamos avançando no campo da tecnologia de células de combustível para a indústria automotiva, com a nossa ambição de comercializar o caminhão de célula de combustível pela primeira vez no mundo”, disse o vice-presidente executivo da Cheol Lee – continuaremos a procurar oportunidades para expandir em outros mercados, monitorando de perto múltiplos fatores, como oferta de infraestrutura e políticas governamentais”.

A Suíça tem procurado por muito tempo o hidrogênio. Uma primeira estação de reabastecimento, nascida de uma colaboração entre a Coope e a Empa, já começou a operar em 2016 em Hunzenschwil, no cantão de Aargau. E no último trimestre, sete empresas, incluindo Coop e Migros, assinaram um acordo para estabelecer uma rede nacional de postos de reabastecimento de hidrogênio.

A tecnologia não é nova e já foi testada em nosso país:

A novidade aqui é realmente o transporte de cargas movido a hidrogênio. A ideia é nunca mais precisar de combustíveis fósseis que tanto poluem o ar quando queimados.

É maravilhoso porque a poluição atmosférica é um dos problemas ambientais (e de saúde) que mais urgentemente precisamos resolver, juntamente com a questão do lixo e do aquecimento global.

E então, quando diremos um adeus definitivo ao petróleo?

Condividi su Whatsapp Condividi su Linkedin
greenMe.com.br é uma revista brasileira online, de informação e opinião Editada também na Itália como greenMe.it
Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!

Siga no Instagram
Siga no Facebook