Pantanal destruído pelo fogo pelo 3° ano consecutivo: triste recorde

Pantanal destruído pelo fogo pelo 3° ano consecutivo: triste recorde

Uma onda de queimadas atinge pelo terceiro ano consecutivo o Pantanal.

Devido a secas e forte geada, o Pantanal está sendo destruído pelo fogo com a mesma intensidade de 2020, quando foi registrado o maior desastre ambiental na região, informa a Folha de S. Paulo.

Desde o último sábado, mais de 261.800 hectares foram destruídos pelo fogo, o equivalente a dois municípios do Rio de Janeiro, segundo dados do Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais do Departamento de Meteorologia (Lasa), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O coordenador do Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (Prevfogo) do Ibama em Mato Grosso do Sul, Márcio Yule, explica que este ano a seca está mais severa no Pantanal do que no passado, condição que parece ter agravado os focos de incêndio.

A Terra Indígena (TI) Kadiweu, que já mobilizou 50 brigadistas do Prevfogo, teve 18% do seu território devastado pelo fogo.

Uma frente fria que deve chegar à região nesta quinta-feira é a esperança para que o fogo que atinge o Pantanal se abrande.

Talvez te interesse ler também:

Vídeo chocante mostra jacarés amontoados em açude seco no Pantanal

Contaminação e chuva de fuligem: desastrosas consequências para o Pantanal

Pantanal devastado pelas chamas. Animais pedem SOCORRO. Como ajudar

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on tumblr
Share on reddit
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *