Milho e abacaxi viram pratos e talheres que podem ser plantados

Papelyco

Quem não gostaria de uma solução definitiva para acabar com o uso de descartáveis plásticos? Enquanto esse “milagre” não acontece, boas ideias vêm surgindo em todo o mundo para, ao menos, minimizar a quantidade de plástico no planeta.

Umas dessas iniciativas vem da startup colombiana Lifepack, que utiliza como matéria-prima o milho e o abacaxi. A Lifepack desenvolveu um material substituto de utensílios plásticos feito a partir de restos de cascas de milho e de coroas de abacaxi, dois produtos agrícolas abundantes na Colômbia.

A cadeia de produção é totalmente aproveitada, já que, após o uso, os utensílios, como pratos e talheres, podem ser jogados na terra para se decompor.

A linha de produtos, chamada Papelyco, vem com sementes, cujas embalagens podem ser plantadas, posteriormente, pelos consumidores. Como nada se desperdiça, após alimentar-se, você pode fazer surgir do seu prato uma flor. Os produtos da Lifepack são plantáveis, compostáveis e biodegradáveis.

Claudia Isabel Barona e Andres Benavides são o casal que desenvolveu a marca. A ideia era vender “embalagens que geram vida”, não só em forma de plantas, como também de trabalho, já que cerca de 190 mulheres foram capacitadas por eles, que criaram 20 empregos diretos e geraram receita para produtores de abacaxi. Ou seja, o casal criou um produto socioambientalmente responsável.

Barona e Benavides usaram o site de financiamento coletivo Indiegogo, conseguindo arrecadar cerca de dois mil reais. Na justificativa do empreendimento, o casal menciona os seguintes dados:

“Em 2010, a Colômbia gerou mais de 27 mil toneladas de lixo por dia; os EUA registraram 600 mil toneladas – sendo que apenas 35% dos resíduos foram reciclados. Especificamente na Colômbia, 4% vieram de pratos descartáveis e copos, além de embalagens plásticas e de isopor. Enquanto isso, as embalagens dos EUA representam 30% dos resíduos sólidos e demoram entre 500 e mil anos para se decompor. Os efeitos de todo esse desperdício no meio ambiente, desnecessário dizer, são enormes”.

O casal mira o mercado estadunidense para lançar uma unidade de produção em Saint Louis, no estado de Missouri. Eles também querem expandir os produtos da linha para outros tipos de embalagem: alimentos, bebidas, cuidados com a saúde, cuidados pessoais e embalagens industriais.

Tomara que eles consigam mesmo essa expansão e atinjam os consumidores dos Estados Unidos, o país que mais usa descartáveis no mundo.

Assista, no vídeo a seguir, a transformação de milhos e abacaxis em vida!

Talvez te interesse ler também:

SAID TRINDADE, O PARAENSE QUE CRIOU O CANUDO DE BAMBU QUE VIRA ADUBO

19 DICAS PARA REDUZIR O PLÁSTICO DA SUA VIDA EM 2019!

APENAS 9% DO PLÁSTICO NO MUNDO É RECICLADO! 91% VAI FICAR AÍ POR + 400 ANOS

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!