Você realmente quer Salvar o Planeta? Então Faça Estas 4 coisas:

  • atualizado: 
salvar o planeta

Vem de uma pesquisa sueca recentemente publicada na revista científica Environmental Research Letters, quais são as 4 ações fundamentais para quem realmente está a fim de frear o aquecimento global, e salvar o planeta do desastre que se vislumbra se os termômetros continuarem a subir.

E estas 4 coisas não são nada fáceis de seguir. Para muitos representam um verdadeiro sacrifício de vida.

Os pesquisadores Seth Wynes do Centre for Sustainability Studies e Kimberly Nicholas da University of British Columbia explicam que, não obstante o interesse público (dos governos) em conter o aquecimento global (seja com medidas efetivas, leis, etc, seja com conselhos à população), tais medidas são substancialmente poucas para se atingir o objetivo comum.

Reciclar, reutilizar, comprar orgânico, apagar a luz…Tudo muito bom mas é preciso fazer mais. Muito mais!

Para que cada ser humano consiga reduzir sua pegada de carbono sobre a Terra, de modos a realmente fazer a diferença e garantir a nossa sobrevivência, é preciso:

1. Fazer menos filhos
2. Viajar menos de avião
3. Renunciar ao carro
4. Renunciar ao consumo de carne

Ter um filho é provavelmente é o maior impacto ecológico que uma pessoa, ou melhor, duas, podem causar ao planeta. Não ter filhos, ou ter o menos possível, reduz em 58,6% as toneladas de CO2.

O estudo calculou as emissões da criança assim: à cada genitor, atribuiu-se 50% das emissões do filho, 25% dos netos e assim por diante.

Apesar de parecer absurdo falar disso, a verdade é que este cálculo faz todo o sentido. A questão é que para os governos, uma população velha tem suas implicações muitos ruins em termos econômicos. Mas aqui estamos falando de reduzir as emissões de gases de efeito estufa que causam o aquecimento global que está ligado à seca, falta d’água, ao pelo derretimento das geleiras, ao , das doenças causadas por insetos e a tantos outros fatores que, resumidamente, dão conta do “fim do mundo”.

Reduzir a população com certeza reduzirá as emissões mas, é verdade que isso lá na frente, nas próximas gerações, enquanto a nossa precisa começar agora o trabalho de salvar o planeta.

Somente com menos carros nas ruas a poluição diminuirá e, com ela, menos gases de efeito estufa no ar. Menos viagens aéreas, aviões poluem tanto, o equivalente a seis carros para cada passageiro!

E por fim, renunciar ao consumo de carne, a pecuária é um dos setores que mais poluem e que mais requer recursos naturais para poder funcionar.

seta

Veja:

Parece muito radical? Os próprios pesquisadores reiteram a importância dos pequenos gestos diários na vida das pessoas, no mundo inteiro, para conter o aquecimento global, principalmente aqueles que dizem respeito à dieta e à escolha do meio de transporte (público ou green): "há muitos fatores que influenciam o impacto climático nas escolhas individuais - diz Wynes - mas, graças à comparação entre todos estes fatores, com determinada certeza, identificamos as ações que podem realmente fazer a diferença".

De acordo com o estudo, por exemplo, viver sem carro economizaria 2,4 toneladas de CO2 por ano, enquanto que uma dieta vegetariana pouparia 0,8 toneladas de CO2 por ano. E essas ações são mais propensas a ter um efeito positivo em comparação com as estratégias promovidas pelos governos hoje em dia - como incentivar a reciclagem de materiais, que em comparação com uma mudança na dieta é 4 vezes menos eficaz - ou, promover a substituição de lâmpadas antigas, - 8 vezes menos eficiente.

Se te interessa saber mais, leia também:

setaCONHEÇA OS SETORES QUE MAIS EMITEM GASES DE EFEITO ESTUFA NO BRASIL

seta

seta

siga brasile pinterest

Você está no Pinterest?

As fotos mais bonitas sempre contigo!

siga brasile instagram

Você está no Instagram?

Curta as mais belas fotos, dicas e notícias!